Enquete aponta 95% de apoio para uma possível intervenção nas empresas de ônibus de Petrópolis, RJ



Em abril de 2010, o então prefeito Paulo Mustrangi, decretou “Estado de Intervenção Parcial” nas viações Autobus, Esperança e Petrópolis. Segundo o governo, na época, as empresas não prestaram os serviços com qualidade e desobedeceram a diversas cláusulas estabelecidas no contrato de concessão.

Hoje, mais de sete anos depois, a situação beira o caos novamente. Quebras constantes de ônibus, dificuldade no cumprimento de horários, coletivos sujos e/ou em péssimo estado de conservação foram noticiados nos últimos meses pela imprensa e, principalmente, através das redes sociais. 

Como usuário do transporte público – não tenho carro, moto e não sei dirigir – em diversas oportunidades relatei aqui experiências pessoais. Diante dos fatos, decidi utilizar minha página para fazer uma pergunta aos leitores: 

VOCÊ APOIARIA UMA NOVA INTERVENÇÃO NAS EMPRESAS DE ÔNIBUS DE PETRÓPOLIS, RJ?

Com objetivo de melhorar o transporte público e adequar ou substituir o serviço prestado a população petropolitana.

Para a minha surpresa, 95% dos primeiros 476 leitores que votaram (um por conta) declarando apoio a uma possível intervenção. Vale ressaltar, novamente, que a população já viveu uma experiência parecida. Fica o alerta para que as autoridades possam acompanhar este indicativo de insatisfação da população.

A enquete termina em quatro dias, não deixe de votar e deixar sua opinião. 
Acesse e vote: