Defesa Civil realiza vistoria técnica no Atílio Marotti e no Quarteirão Brasileiro



O prefeito Bernardo Rossi acompanhou vistoria técnica da Secretaria de Defesa Civil e Ações Voluntárias na manhã desta terça-feira (21.11) no Atílio Marotti e no Quarteirão Brasileiro, locais em que aconteceram deslizamentos de terra na segunda (20.11). Acompanhado do vice-prefeito Baninho e do secretário de Defesa Civil e Ações Voluntárias, coronel Paulo Renato Vaz, Bernardo acompanhou trabalho da Comdep na desobstrução da Rua Gaspar Gonçalves, no Quarteirão Brasileiro. Bernardo destacou o atendimento da Defesa Civil durante o feriado do Dia da Consciência Negra.  

“É fundamental que a Defesa Civil esteja pronta para atender a população, que é o maior bem da nossa cidade. Fiz questão de acompanhar as vistorias e os petropolitanos podem ter a certeza que a Defesa Civil está preparada para atuar durante as chuvas do Verão”, afirmou o prefeito. 

O secretário Paulo Renato Vaz destacou a pronta resposta da Defesa Civil no fim de semana. Segundo ele, a integração entre os órgãos que atendem as emergências mostra a eficiência das reuniões do Plano Verão 2018 de Petrópolis. “Precisamos estar prontos para o período de fortes chuvas, que começa, historicamente, em novembro. Os órgãos estão integrados dentro do Plano Verão para garantir que a resposta seja rápida e eficiente”, afirma.

Edmilson Moreira, que mora no Quarteirão Brasileiro há 44 anos, relatou que o atendimento da Defesa Civil foi rápido. "Logo que chamamos fomos atendidos de maneira rápida, mas não tem muito o que fazer. Eu perdi o carro, mas graças a Deus minha casa não foi afetada. Nesses momentos, temos que agradecer pela nossas vidas". 

A Secretaria de Defesa Civil e Ações Voluntárias registrou seis ocorrências na segunda-feira (20.11), sendo cinco pequenos deslizamentos de terra e uma vistoria preventiva. Dois imóveis foram interditados: um na Rua Atílio Marotti, no Retiro, e outro no Bairro da Glória, em Corrêas. Nos dois casos, o deslizamento coloca em risco as moradias. As famílias foram orientadas a sair e estão na casa de parentes. No Carangola, Quarteirão Ingelhein e Quarteirão Brasileiro, a movimentação de terra atingiu apenas um trecho da via. Existe a previsão de que a chuva continue ao longo da semana, e por isso, todas as equipes da Secretaria de Defesa Civil e Ações Voluntárias seguem de prontidão para atender a população em caso de emergência.   

“Existe a previsão de chuva para todo o Estado durante essa semana, então é importante que o morador de área de risco tenha atenção redobrada. É importante que a população ligue para o 199 e informe caso tenha alguma ocorrência. Nossas equipes estão de prontidão para realizar os atendimentos”, afirma Paulo Renato Vaz.