Em cinco dias bandidos fizeram cinco roubos no Centro e Itaipava



Os roubos a pedestres continuam preocupando a população e fazendo vítimas. Neste fim de semana, um homem foi roubado na entrada do Castelo de Itaipava, na Estrada União e Indústria. Aparelhos celulares e dinheiro foram levados pelos bandidos, que foram presos instantes depois. Esta é a quarta ação dos criminosos, que já fizeram cinco vítimas nesse tipo de ocorrência em apenas cinco dias.

Dessa vez, dois jovens de 18 e 19 anos foram presos na madrugada de domingo (10), por volta das 00h45, quando surpreenderam a vítima, um homem de 38 anos, em Itaipava. Ao ser acionada, a Polícia Militar realizou diligências pela região e localizou os ladrões com os produtos e R$ 100 em espécie. Encaminhados para a 106º DP, a dupla foi autuada por roubo, ficando presa.

Ainda durante a semana, três adolescentes foram alvo dos assaltantes, na última quarta-feira (6), no Centro da cidade. Em menos de três horas, foram duas ocorrências registradas e, em um dos casos, um homem de 36 anos foi detido por populares depois de roubar o telefone celular de uma menina de 15 anos.

As primeiras vítimas, dois adolescentes de 17 anos, foram rendidas pelos bandidos por volta das 19h40, na Avenida Ipiranga, quando passavam pelas imediações da Catedral São Pedro de Alcântara. O bandido estava armado com uma faca e já fez a abordagem anunciando o assalto e exigindo que entregassem dinheiro e objetos de valor. Dos dois adolescentes, o bandido levou dois celulares modelo Iphone 6 e 7, além de dinheiro e documentos.

Já por volta das 22h20, a vítima foi uma adolescente de 15 anos. Ela estava voltando para casa, passando pela Rua Fonseca Ramos, quando o bandido a abordou e tomou o celular. Populares, no entanto, perceberam o ataque e conseguiram imobilizar o ladrão, até a chegada da PM.

Já, na última terça-feira (5), uma jovem de 19 anos levou um susto ao ser assaltada em pleno calçadão, próximo ao Colégio Dom Pedro, na Rua do Imperador, instantes depois de sair do trabalho. O bandido levou a carteira com todos os documentos e dinheiro da vítima, que assim como as outras, está indignada com a falta de segurança na cidade.

FONTE: DIÁRIO DE PETRÓPOLIS

Comentários