Campanha de Multivacinação para crianças e adolescentes começa nesta segunda-feira (11)


Petrópolis terá o dia D de imunização no próximo dia 16 de setembro

A prefeitura inicia nesta segunda-feira (11) a Campanha Nacional de Multivacinação em 14 unidades de saúde com rotina de imunização. A meta é atualizar a caderneta de vacinação da criança e do adolescente ofertando 12 vacinas para crianças de 0 a 9 anos, entre elas - BCG, meningocócica, pneumocócica e Hepatite B e 7 vacinas para os adolescentes de 10 a 14 anos que poderão ser imunizados contra o  HPV, dupla adulto, meningocócica, entre outras. A ação visa proteger crianças, pré-adolescentes e adolescentes precocemente contra doenças evitáveis a que eles possam estar sujeitos até a vida adulta. 

A campanha irá até o dia 22 com ‘Dia D de vacinação’ no sábado dia 16 de setembro. As doses estão disponíveis no Centro de Saúde, Coordenação de Epidemiologia, ao lado do Hospital Nelson de Sá Earp, Ambulatório Escola, Hospital Alcides Carneiro, além de 3 postos de saúde da família e 7 unidades básicas de Saúde de 9h às 16h -  com intervalo de 1h de almoço. Nas UBS do Retiro, Quitandinha e Itamarati a população pode se vacinar até às 19h30.

 O secretário de Saúde, Silmar Fortes, explica que os pais ou responsáveis deverão comparecer às unidades levando documento de identidade, a caderneta ou comprovante de vacinação da criança ou do adolescente para avaliação e, no caso de haver alguma dose em aberto, ela será aplicada.Seguindo o protocolo de imunização da Secretaria de Saúde do Estado, também será ofertada a vacina contra febre amarela para que o município cumpra o cronograma de vacinação até outubro.
 “Todas as vacinas fazem parte da rotina, então não há meta a ser atingida, mas precisamos reforçar junto aos pais a importância da aplicação das doses subsequentes de algumas vacinas. Esse será um momento importante também para aplicarmos as vacinas contra febre amarela já que temos a meta de imunizar toda a população até outubro.”, orienta Silmar Fortes.

A pediatra e encarregada do Programa Saúde da Criança e Adolescente, Flávia Marzullo, explica que a análise da caderneta de vacinação é importante porque o calendário do Programa Nacional de Imunização do Ministério da Saúde sofreu modificações este ano, com a ampliação do público-alvo para algumas vacinas. A médica também alerta sobre a importância da aplicação das doses contra de varicela já que está se aproximando a época de maior incidência de casos de catapora.

 “A vacinação é o meio mais fácil e eficaz de prevenir doenças, algumas delas também oferecem a proteção passiva por eliminar a circulação do vírus. Estamos nos aproximando ao período de surgimento de casos de catapora, então, ao se vacinar uma semana depois a criança está protegida contra a doença. Esse é o momento de sensibilizar os pais a colocar em dia o esquema vacinal dos seus filhos”, avalia Flávia Marzullo.

 Os adolescentes serão vacinados contra hepatite B, dupla adulto (evita difteria e tétano), tríplice viral SCR – Protege contra sarampo, caxumba e rubéola, além da Meningocócica C para adolescentes de ambos os sexos, com idades entre 12 e 13 anos.           

 A coordenadora de Epidemiologia, Alessandra Cardoso, destaca que a sensibilização contra HPV foi reforçada nas unidades. O município espera vacinar 18 mil adolescentes, porém, atualmente há 1.646 meninas e meninos protegidos contra o vírus. A vacina protege contra quatro subtipos de HPV, sendo dois responsáveis por 70% dos casos de câncer do colo do útero, que é a terceira causa de morte de mulheres no Brasil.

“Devem ser vacinados: meninas dos 9 aos 14 anos e os meninos dos 11 aos 14 anos, em ambos os casos, o esquema vacinal prevê a aplicação de duas doses. A vacina é segura, não há contraindicação, o que ela pode provocar de reação é uma febre leve e a região ficar um pouco dolorida como pode ocorrer em qualquer outra aplicação de vacina. A vacina só não pode ser aplicada em gestantes, então é muito importante que todos sejam imunizados até o dia 22”, orienta a coordenadora de Epidemiologia, Alessandra Cardoso.

Lista dos postos de Saúde e demais locais de vacinação:

*Atendimento de 9h às 16h – com intervalo de 1 hora de almoço 

Instituto da Mulher (antigo Centro de Saúde) - Rua Santos Dumont, S/Nº
PSF Alto da Serra - Rua Teresa, 2.024 (Praça Miguel Couto)
PSF São Sebastião - Rua São Sebastião nº 625
UBS Alto Independência - Rua Ângelo João Brand s/n
Ambulatório Escola - Rua Bernardo Proença nº 32
Hospital Alcides Carneiro - Rua Vigário Corrêa, 1.345
UBS Morin - Rua Pedro Ivo, n.º 81 – Morin
UBS Itaipava - Estrada Philúvio Cerqueira Rodrigues s/n
UBS Pedro do Rio - Estrada União e Indústria s/n
PSF Posse - Estrada União de Indústria nº 33.530
Coordenação Epidemiologia - Hospital Municipal Nelson de Sá Earp - Rua Paulino Afonso, 455.

*Atendimento de 9h às 19h30 – Com intervalo de 1 hora de almoço 
UBS Quitandinha - Rua General Rondon nº 400
UBS Retiro -  Barão do Rio Branco s/n 
UBS Itamarati - Rua HívioNaliato nº 169