Jovens entre 15 e 29 anos terão desconto em eventos e passe livre ou 50% de desconto nas passagens de viagens

Theatro Dom Pedro será palco para​ ​lançamento do ID Jovem em Petrópolis



Ter acesso a eventos artístico-culturais e esportivos pagando meia-entrada e passe livre ou 50% de desconto nas passagens de viagens interestaduais, além de gratuidade no Enem. Esses são alguns benefícios para jovens entre 15 e 29 anos inscritos no Programa Identidade Jovem (ID Jovem), que será lançado em Petrópolis na próxima terça-feira (11.07), no Theatro Dom Pedro às 10h.

Mas não são todos os jovens inclusos nessa faixa etária que podem pleitear a inserção no programa. A regra estabelece que o jovem possua uma renda familiar bruta de até dois salários mínimo comprovada e estar inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico), com os dados atualizados nos últimos 24 meses.

O sistema funciona por intermédio de um documento de identificação virtual pessoal e o gestor responsável é a Caixa Econômica Federal. A instituição é responsável pelo aplicativo e pela página na internet que permite ao jovem o acesso as informações de seu ID Jovem. O sistema possui interface que permite a consulta e alteração de dados, tudo podendo ser feito pelo celular.

“Por uma solicitação do prefeito Bernardo Rossi, estamos iniciando em Petrópolis esse programa que vai beneficiar milhares de jovens, que estão inseridos dentro das prerrogativas que norteiam o ID Jovem. O prefeito tem compromisso com a juventude e essa ação vai ajudar muitos deles, permitindo acesso a eventos e transporte gratuito”, disse o coordenador de Políticas para Juventude, Wesley Barreto.

No caso das passagens interestaduais, o jovem deve reservar lugar com antecedência de, no mínimo, três horas antes dos horários de partida dos coletivos. O usuário deve apresentar a Identidade Jovem e a carteira de identidade quando requerer a passagem. São reservadas duas vagas gratuitas e duas com 50% de descontoem cada coletivo, trem ou serviço de transporte convencional terrestre interestadual.​

Comentários