Assaltos no Centro e em Itaipava



Fonte: Diário de Petrópolis - Dois homens armados levaram mais de R$ 15 mil em dinheiro, num assalto ontem de manhã, em Madame Machado. A vítima, um comerciante, estava saindo de casa e, segundo a polícia usaria a quantia para fazer o pagamento de fornecedores, em seu estabelecimento comercial, que fica em Itaipava. O valor seria referente a féria de todo o fim de semana.

O assalto aconteceu pouco antes das 8h, e as suspeitas são de que os bandidos sejam moradores da região. Isso porque, depois de tomarem o dinheiro, fugiram correndo em direção a parte alta da comunidade. As suspeitas são de que a arma usada no crime também era de brinquedo.

O comerciante foi atacado pelos marginais instantes depois de sair de casa. A vítima, segurando a bolsa onde estava todo o dinheiro, caminhava para o ponto de ônibus que fica na Rua 28 de Abril, quando os bandidos tentaram dominá-lo. Apesar da arma apontada em sua direção, ele reagiu ao ataque.

Ele chegou a entrar em luta com os bandidos que, apesar de armados, não efetuaram nenhum disparos e correram quando conseguiram se desvencilhar da vítima. O comerciante ainda tentou persegui-lo, mas a dupla, que se tratava de homens negros, desapareceu.

Acionada, a Polícia Militar realizou diligências por toda a comunidade e as imagens das câmeras de segurança de estabelecimentos comerciais da região foram analisadas, mas os bandidos não foram identificados. A ocorrência está registrada na 106ª DP, em Itaipava.

Outro roubo que mobilizou equipes da polícia aconteceu ontem de manhã, na academia ProQuality, localizada em plena Rua do Imperador. Funcionários do local tiveram uma surpresa quando chegaram para trabalhar e constaram que o local havia sido arrombado e invadido por ladrões, durante o fim de semana. Em dinheiro, o prejuízo ultrapassa os R$ 9 mil.

As suspeitas, segundo a polícia, são de que os ladrões tenham conseguido acessar a academia através de uma galeria, localizada ao lado do espaço e abriram um buraco no teto do estabelecimento. As câmeras de segurança estavam desligadas.

Os funcionários chegaram para trabalhar pouco antes das 7h, e encontraram o local revirado. Imediatamente acionaram a Polícia Militar e peritos da Polícia Civil analisaram o lugar em busca de pistas que ajudem identificar os bandidos. A invasão foi registrada na 105ª DP, no Retiro.