Rubens Bomtempo renasce para o cenário político forte nome para disputar uma cadeira na Alerj



Coluna no jornal A voz de Petrópolis - por: Eduardo Ferreira: Pouco mais de um ano antes das eleições, Rubens Bomtempo, ex-prefeito e provável candidato a deputado estadual pelo Partido Socialista Brasileiro, renasce para o cenário político como representante da Fundação João Mangabeira no Estado do Rio.

Invertidos os papéis, Bomtempo terá pela frente o desafio de enfrentar os vários nomes que provavelmente serão colocados na disputa com o apoio de Bernardo Rossi, novo prefeito e desafeto político do socialista.

Após três mandatos à frente da prefeitura, Bomtempo deixou o poder com 71.320 dos votos válidos na bagagem, resultado que, indiscutivelmente, coloca o político entre os principais nomes na corrida por uma vaga na Alerj.

Em minha modesta opinião, a maior dificuldade do ex-prefeito atualmente é a falta de espaço “abrigar” seus principais aliados e cabos eleitorais. A falta da perspectiva de poder pode deixar muitos de seus correligionários pelo caminho.

Por outro lado, a possibilidade de uma dobradinha com o deputado federal Hugo Leal, hoje presidente Regional do PSB, fortalece uma futura candidatura e pode alinhar fora do município alianças fundamentais para o sucesso do projeto de Rubens Bomtempo.

As comparações entre Bomtempo e Rossi são inevitáveis, apesar da diferença de doze contra menos de dois anos, no momento da eleição.

Contudo, ficam por conta do atual governo as incógnitas para o próximo pleito. Quem serão os candidatos apoiados pelo atual prefeito? Haverá entre eles um nome capaz de “ameaçar” o projeto político do poderoso PSB? Essa e outras perguntas serão respondidas em breve por aqui...