Influenza provoca duas mortes em Petrópolis e outros três casos são investigados



fonte: G1 - Duas mulheres de 49 e 56 anos morreram este ano em Petrópolis, na Região Serrana do Rio, vítimas de influenza. As informações foram divulgadas pela Prefeitura na tarde desta quarta-feira (17). Segundo a Secretaria de Saúde do município, os óbitos ocorreram nos meses de janeiro e abril e as mulheres eram hipertensas, o que agravou o quadro de saúde. O município investiga outros três casos suspeitos.

A coordenadora da Epidemiologia, Elisabeth Wildberger, ressalta que todos os pacientes que estavam sob investigação receberam o tratamento com o medicamento Tamiflu disponibilizado pela Secretaria de Estado de Saúde e disponibilizado 24h na farmácia do Hospital Municipal Nelson de Sá Earp.

“O medicamento foi iniciado em todos os pacientes em investigação, mas as pacientes que vieram a óbito não responderam ao tratamento por serem hipertensas. Outros três casos já foram descartados e três seguem sob investigação. Os pacientes estão estáveis”, explica Elisabeth.

Por conta da gravidade da doença, a Secretaria de Saúde destaca a importância da vacinação que acontece até o dia 26 de maio em todos os postos de saúde da cidade. De acordo com o órgão, até o momento 39.050 pessoas foram vacinadas em Petrópolis desde o início da campanha iniciada no dia 17 de abril.

"As pessoas precisam se conscientizar que a vacina é o único meio de prevenção contra a doença. Como não sabemos se teremos prorrogação precisamos que todas as pessoas pertencentes ao grupo de risco se vacinem esta semana”, afirma o Secretário de Saúde Silmar Fortes.

fonte: G1