sexta-feira, 12 de maio de 2017

​Disque Entulho volta na segunda-feira


Serviço será reativado pela Comdep e vai recolher até 20 sacos de materiais na casa dos solicitantes

O Disque Entulho está de volta para a população a partir de segunda-feira (15.05). Qualquer pessoa poderá ligar para a Companhia Municipal de Desenvolvimento de Petrópolis (Comdep) e solicitar o recolhimento de até 20 sacos de restos de obras, lixo verde, móveis e eletrodomésticos. O atendimento será de segunda a sexta, de 8h30 às 17h, pelo telefone: 2243-7822. O serviço foi interrompido em 2013 com a justificativa de ser muito caro. Com o retorno do Disque Entulho, a prefeitura vai endurecer ainda mais a fiscalização que prevê multas para quem faz descarte de materiais nas ruas.

De acordo com o Código de Posturas, o gerador é responsável pela destinação adequada do entulho, que é o aterro de Pedro do Rio. O despejo no aterro de qualquer quantidade de restos de obras, lixo verde, móveis e eletrodomésticos pode ser feito de graça, caso os detritos sejam transportados para lá.

“Esse é um serviço voltado principalmente para aqueles que têm mais dificuldade de transportar o entulho até o aterro. Em geral, são pessoas que geram uma pequena quantidade de entulho e que acabaram sendo as mais prejudicadas com isso. Por isso colocamos a meta, desde o início do governo, de reativar o Disque Entulho. Depois de normalizar a coleta e a aumentar a fiscalização, podemos dar essa notícia para a cidade”, diz o presidente da Comdep, Wagner Silva.

O fim do Disque Entulho acabou espalhando lixo em toda cidade, o que exigiu um grande esforço do governo Bernardo Rossi na coleta e na fiscalização da irregularidade. Desde janeiro até a última quinta-feira (11.05), 34.231 toneladas foram levadas para o aterro de Pedro do Rio. Nesse período, a Coordenadoria de Fiscalização aplicou três multas pelo despejo irregular em calçadas ou ruas e fez outras sete intimações para retirada imediata dos materiais. Quem descarta entulho de maneira inadequada está sujeito a multa de até R$ 800. Paralelo a isso, a Comdep preparou a o retorno da atividade, providenciando toda a estrutura necessária.

Atualmente, o recolhimento de entulho vem sendo realizado em duas frente no município. Uma é feita pela própria Comdep, com máquinas e caminhões próprios. Nesta sexta-feira, por exemplo, o serviço ocorreu nas ruas Max Manoel Molter, João de Deus e Gaspar Gonçalves (Quarteirão Brasileiro), São Paulo, Minas Gerais, Paraná, Mato Grosso, Honduras, Panamá, Pará, Alagoas, Bahia, Vassouras e Vila Ipanema (Quitandinha), Pedras Brancas (Mosela), Duarte da Silveira (Bingen) e Duchas. A Secretaria de Serviços, Segurança e Ordem Pública (SSOP) faz a outra parte do trabalho, coordenando o pessoal da Força Ambiental e utilizando o maquinário e os caminhões da empresa. Nessa semana, eles fizeram esse e outros serviço (capina e roçada, fiscalização do Código de Postura) na Posse, onde recolheram 66 toneladas.

Como será o Disque Entulho

O Disque Entulho terá um roteiro de bairros a serem atendidos durante a semana (veja abaixo). Basta ligar para a Comdep e fornecer o endereço que o agendamento será realizado conforme o cronograma. Wagner Silva explica que a intenção é expandir o número de bairros nos próximos meses a partir do sucesso do retorno do serviço.

“Os moradores dos outros bairros também podem pedir o Disque Entulho já a partir dessa segunda. Nesse caso, vamos fazer o agendamento de acordo com a demanda de cada dia. Estamos recomeçando o serviço já com o objetivo de expandi-lo em breve para mais bairros e com mais funcionários”, afirmou.

O agendamento será feito por uma atendente, que vai marcar um horário para passagem do caminhão. O solicitante vai assinar um comprovante de que o serviço ocorreu e, depois, receberá um novo contato da Comdep. O objetivo é um ter retorno sobre como foi o atendimento e medir o grau de satisfação. No dia e hora marcados, o entulho deverá ser colocado devidamente acondicionado em no máximo 20 sacos para a coleta.

Roteiro do Disque Entulho

Segunda-feira: Valparaíso, Centro, Caxambu e Morin

Terça-feira: Retiro, Carangola, Roseiral e Jardim Salvador

Quarta-feira: Bingen, Mosela, Quarteirão Brasileiro, Av. Barão do Rio Branco e Atílio Marotti

Quinta-feira: Quitandinha, Independência, Castelânea e Alto da Serra

Sexta-feira: Itamarati, Provisória e Floresta

Sábado: Samambaia, Cascatinha e Estrada da Saudade​

Nenhum comentário: