Rio: Filho de Crivella recebeu R$ 10 mil, mas disse que não sabia do crédito



A Prefeitura do Rio informou que dinheiro depositado na conta de Marcelo Hodge Crivella já foi estornado aos cofres municipais. Ele havia recebido cerca de R$ 10 mil correspondente ao salário como secretário municipal da Casa Civil, embora esteja com a nomeação suspensa por determinação do Supremo Tribunal Federal.

O ministro Marco Aurélio Melo apontou haver nepotismo na indicação, a decisão final ainda precisa ser julgada no STF, embora não exista um prazo para que isto ocorra. A Prefeitura afirmou que o filho do Prefeito não sabia do crédito e não realizou movimentações na conta.

O pagamento da quantia foi revelado pela coluna Radar-On Line, da Revista Veja. O filho do prefeito disse respeitar decisões judiciais e aguardar um posição final a respeito de sua nomeação.

Comentários