Parentes de PMs tentam impedir saída de agentes do Batalhão em Petrópolis; policiamento é normal




Parentes de policiais militares protestam na manhã desta sexta-feira (10) em frente à sede do 26º Batalhão, em Petrópolis, na Região Serrana do Rio. O grupo tentou impedir a saída de agentes da unidade para pedir melhores condições de trabalho para os militares e a regularização dos salários. De acordo com o comando do 26º BPM, os agentes negociaram a saída e entrada, e fizeram a troca de turno normalmente. Segundo Eduardo Castellano, comandante do batalhão, o policiamento é normal na cidade.

De acordo com os manifestantes, aproximadamente 20 pessoas participam do ato. Eles se dividiram em grupos para tentar impedir a saída e entrada de equipes da PM em todos os portões do batalhão.

O grupo pede a regularização dos salários de janeiro, fevereiro e do 13º salário de 2016, pagamento dos bônus e gratificações aos agentes. Os manifestantes também querem, ainda, pagamento do adicional de periculosidade, adicional noturno, plano de saúde e melhorias no Hospital da Polícia Militar. Além disso, reivindicam o pagamento do Regime Adicional de Serviço (Ras) e escala de 12 x 60 ou 24 x 72.

"Tivemos alguns problemas em relação a isso, mas estamos tentando conscientizar do problema desse tipo de manifestação, os problemas que causam para todos, para a população. Estamos entrando em entendimento", disse o comandante Eduardo Castellano.

FONTE: F1

Comentários