Comdep faz corte de palmeira na Praça Osvaldo Cruz e podas de árvores



A Companhia Municipal de Desenvolvimento de Petrópolis (Comdep) fez a retirada de uma palmeira de 22 metros da Praça Osvaldo Cruz, na Montecaseros, na manhã desse domingo (19.02). A equipe realizou também a poda de galhos na Praça Alcindo Sodré (esquina das ruas do Imperador e Paulo Barbosa) e na Monsenhor Bacelar, no Valparaíso. Esse trabalho foi feito para melhorar as condições dos motoristas, já que algumas placas de trânsito estavam ficando escondidas pelo crescimento dos galhos.

A retirada da palmeira envolveu sete funcionários, um caminhão com braço hidráulico e durou cerca de 1h30. A árvore já estava morta e com risco de queda, principalmente da parte mais alta. Além do laudo produzido pela Secretaria de Meio Ambiente (emitido no dia 18 de janeiro), a remoção da árvore também teve autorização do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), já que a praça é tombada pelo órgão. A permissão foi dada dia 06, com a recomendação de que seja replantada outra no lugar em até 30 dias e que a nova planta seja maior que 1,70m.

Nesse ano, a Comdep já fez nove remoções de árvores e 38 podas, todas com laudo técnico da Secretaria de Meio Ambiente. O trabalho é feito preferencialmente aos domingos para não atrapalhar o trânsito.

“Todos os cortes e podas de árvores são realizadas pela Comdep após autorização da Secretaria de Meio Ambiente. Fora deste contexto, nós fazemos a limpeza das ervas de passarinho, que é uma forma de fazer a prevenção para queda dos galhos”, explica o presidente da Comdep, Wagner Silva.

Dados da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente mostram que, por dia, acontecem pelo menos dois novos pedidos de corte ou poda de árvores. “Buscamos atender prioritariamente os casos de emergência, como foi o caso na Praça Oswaldo Cruz, em que a árvore estava com o risco claro de desabar”, disse o biólogo da Secretaria de Meio Ambiente, Ives Jaensch.

“Através do telefone 2233-8177, é possível solicitar a vistoria. É importante estar atento aos troncos das árvores, se apresentam algum tipo de alteração ou rachadura, para informar a nossa equipe”, explicou.


Comentários