quinta-feira, 19 de janeiro de 2017

Operação realiza corte de árvores com risco de queda iminente

Mais de 1.800 pedidos para o serviço estão sendo avaliados


A Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Meio Ambiente tem uma demanda de 1.800 pedidos para a realização de poda e retirada de árvores inteiras, que oferecem risco iminente de queda. Cada caso está sendo analisado de acordo com a urgência e, de acordo com a situação, o serviço é autorizado. Grande parte das ocorrências poderia ter sido evitada se não houvesse erro no trabalho de poda, sempre realizado fora da época correta, ao longo dos últimos anos pelo governo passado.

O trabalho é feito em conjunto com Companhia Municipal de Desenvolvimento de Petrópolis (Comdep) e foi realizado em Itaipava, na Estrada das Arcas, e em Cascatinha, na Estrada da Saudade. Seguindo o cronograma, as equipes vão realizar o serviço de limpeza de erva de passarinho essa semana no Parque de Exposições em Itaipava. 

 “A demanda por corte de árvores que oferecem risco para a população é enorme. Vamos trabalhar em conjunto com o setor de podas, colocando um agente do Meio Ambiente para autorizar o corte e a Comdep realizar, com todo o aparato de segurança, o serviço”, afirma o próximo titular da pasta de Meio Ambiente, Fred Procópio.

"Em muitos casos precisamos também do apoio da fornecedora de energia do município. Estamos solicitando que a Enel nos ajude a resolver os casos mais urgentes", explica.

O presidente da Comdep, Wagner Silva, lembrou que as podas não foram feitas na época correta e que agora a queda de galhos oferece risco para a população.

"É nossa obrigação fazer as podas, até porque as árvores estão morrendo. Estamos fazendo nesse momento apenas a limpeza de erva de passarinho, e a partir das orientações e autorizações da Secretaria de Meio Ambiente, nós vamos fazer as podas no momento certo”, disse o presidente da Comdep, Wagner Silva.

Nenhum comentário: