5,5 mil toneladas de lixo recolhidas em 15 dias: Prefeitura faz mutirão para recolher entulho



Apenas nos primeiros 15 dias do governo Bernardo Rossi, quase 5,5 mil toneladas de lixo foram recolhidas da cidade. Isso é 34% acima do que normalmente é coletado em duas semanas. Apenas entre sexta (13.01) e domingo (15.01), foram retirados das ruas 1.039 toneladas de resíduo domiciliar. O número acima do normal é fruto da ação emergencial desenvolvida pela prefeitura, após a Locar abandonar o serviço por causa de dívidas de R$ 11,9 milhões deixadas pela administração anterior. 

Na sequência do trabalho de coleta de lixo, a Companhia Municipal de Desenvolvimento de Petrópolis (Comdep) reforça o recolhimento de entulho e lixo verde, além de limpeza de vias urbanas. Desde o final de semana, a empresa iniciou um mutirão com sete caminhões próprios, uma pá mecânica e uma retro-escavadeira. A ação também contou com apoio de dois caminhões-pipa da Águas do Imperador, para a limpeza dos locais onde acontecem feiras livres, como a Rua Souza Franco e o Alto da Serra. 

Nesta segunda-feira (16.01), o serviço passou por: 24 de Maio, Rua Nova, Rua Padre Feijó, Dr. Sá Earp, Souza Franco, Duarte da Silveira, Major Sérgio e Dias de Oliveira. Os parques de Itaipava e Cremerie receberam mutirão. 

Já nesta terça (17.01), estará em: Rua Tomás Cameron, Fabrício de Matos, Rua Madre Francisca Pia, João Xavier, Centenário, 24 de Maio, 1° de Maio e Rua Teresa. A capina e limpeza de praças também serão retomadas. 

“Nós estamos atacando isso e já estamos na rua com sete caminhões e duas pás mecânicas. Passamos o último sábado e domingo direto fazendo esse serviço. A partir de agora, vamos para capina, limpeza de praças e manutenção de jardins. Nesta terça (17.01), já vai dar para ver esse trabalho na Rua Dom Pedro”, informou o presidente da Comdep, Wagner Silva. 

O serviço de coleta de lixo está sendo posto em dia. A partir dessa quarta-feira (18.01), começam a chegar a Petrópolis os caminhões de menor porte, que vão atuar nos locais de difícil acesso, como morros ou onde as ruas são muito estreitas. Até a semana que vem, serão 23 caminhões grandes (que coletam 15m³ por viagem) e sete pequenos (6m³). 

Comdep faz retirada de árvores no Fragoso 

Uma equipe da Comdep também foi mobilizada para fazer o corte de duas árvores que atrapalhavam a rede elétrica no Fragoso. A remoção dos troncos ocorreu no fim da manhã, após a Enel desligar a passagem de energia por algumas horas para a realização do serviço. Moradores do local relataram a interrupção do fornecimento de energia por causa do balanço dos galhos em momentos de ventania. 

No último sábado (14.01), por exemplo, a Comdep teve que fazer a retirada preventiva de uma árvore de quatro metros que estava prestes a cair na Estrada das Arcas. A demanda pelo serviço é grande, de acordo com o futuro secretário de Meio Ambiente, Fred Procópio. A pasta, que será recriada, vai trabalhar com a Comdep para dar conta da necessidade. 

“A demanda por corte de árvores que oferecem risco para a população é enorme. Vamos trabalhar junto com o setor de podas da Comdep, colocar um agente do Meio Ambiente para autorizar o corte e a Comdep realizar o serviço”, afirmou o próximo titular da pasta.

Comentários