Polícia Civil lança aplicativo que facilita registro de ocorrências


Delegacia Online PCERJ está disponível para Android e iOS

O cidadão fluminense não precisa mais ir a uma delegacia para registrar uma ocorrência policial. A partir de agora, a Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro está disponibilizando um aplicativo de celular para facilitar e oferecer mais praticidade ao registro de ocorrências pelos cidadãos. Por meio do recurso, é possível escolher entre Comunicação de Ocorrência, Extravio (perda) de Documentos, Denúncia do Bairro, entre outros registros, e preencher o formulário com dados pessoais e informações sobre a ocorrência.

Disponível para Android e iOS, o Delegacia Online PCERJ foi desenvolvido pelo Departamento Geral de Tecnologia da Informação e Telecomunicações (DGTIT) da instituição.

– Hoje em dia, as pessoas estão cada vez mais conectadas aos smartphones e o aplicativo será um facilitador de acesso aos serviços que já são prestados pela Polícia Civil à população. Isso nos dá a chance de saber o que os cidadãos precisam, nos aproximarmos e ampliarmos os serviços. O aplicativo vai incentivar as pessoas a registrarem ocorrências e comunicarem delitos – explicou o diretor do DGTIT, delegado Fábio Ferreira.

Ao fazer o pré-registro no aplicativo, a pessoa descreve o ocorrido e escolhe a delegacia mais próxima onde deseja ser atendido, caso haja necessidade. Também é possível fazer denúncias anônimas sobre depósitos de armas e drogas, violência contra a mulher, entre outros assuntos.

– Essa notificação pelo Delegacia Online PCERJ gera um registro de ocorrência que será validado e assinado pelo delegado, como o que é feito presencialmente nas delegacias, e pode ser acessado e impresso em casa. Dependendo da qualidade e da quantidade de informações descritas pelo cidadão no aplicativo, será possível começar a investigação a partir daquele ponto. De acordo com a complexidade do caso ou se houver necessidade de uma representação do cidadão, o delegado comunica à vítima que escolhe, pelo aplicativo, data e hora para ir à delegacia – disse Ferreira.

Através do aplicativo, também é possível entrar em contato com a Central de Atendimento ao Cidadão (CAC). O órgão foi criado pela Polícia Civil para ampliar a comunicação entre a Instituição e a sociedade. O cidadão pode tirar dúvidas, fazer elogios ou reclamações, contribuir com informações para investigações e auxiliar a Polícia Civil na localização de pessoas foragidas.

Em breve, a Polícia Civil vai lançar um aplicativo voltado para os policiais e vinculado ao banco de dados da instituição. A ideia é que os agentes possam acessar rapidamente o banco de dados de mandados de prisão, carros roubados, entre outros temas, dando mais mobilidade ao trabalho policial.


Comentários