Prêmio “Zilda Arns” é entregue a mulheres por ações realizadas em prol da sociedade petropolitana


Em homenagem ao Dia Internacional da Mulher, a Câmara de Vereadores entregou na última terça-feira (8), o prêmio “ Drª. Zilda Arns” à 15 mulheres de reconhecido mérito e notoriedade por ações realizadas em prol da sociedade petropolitana.

Criado em 2014, por iniciativa da Vereadora Gilda Beatriz, o “Prêmio Drª Zilda Arns” permite a cada Vereador indicar anualmente uma mulher para ser homenageada.

“Mais uma vez coube-me o papel de falar em nome dos vereadores sobre mais uma edição do prêmio Drª. Zilda Arns. Essa missão muito me honra, pois em 2014 criei esse prêmio, aprovado pelo plenário da casa, sob a forma de projeto de resolução. Assim, sinto-me madrinha e um pouco anfitriã desta noite. Por outro lado, gostaria que a cada ano de um mesmo mandato, mais mulheres, vereadoras, pudessem ocupar esse púlpito representando-nos nesta casa política. Neste ano, quando todos os municípios do Brasil elegerão novos representantes no poder legislativo e no poder executivo, espero que a participação das mulheres nos espaços de poder e tomada de decisão seja proporcional aos dados apresentados pelo IBGE: Somos maioria no Brasil. A união e organização das mulheres conquistaram direitos essenciais, como o acesso à educação, a liberdade para escolher a própria profissão, o direito de votar e de se candidatar. O protagonismo da mulher na sociedade brasileira foi dura e lentamente conquistado. Apesar de não vivenciarmos exclusivamente o papel de dona de casa, mãe e esposa, em muitos lugares ainda temos dificuldade de nos fazer presentes. O cenário político é um deles. E embora tenhamos avançado, ainda não podemos contar com a força do coletivo; da presença feminina em todas as  esferas do poder, com influências significativas no modo de ver e de se relacionar com o mundo.  Essa desigualdade é limitadora: resulta em pouca sensibilidade no mundo político, o que significa, em outras palavras, decisões políticas eminentemente tomadas sob a ótica masculina. O empoderamento das mulheres para fortalecer sua liderança e participação nos rumos do país, é fundamental para a construção de um novo modelo político-social. Espero  que  nesse ano,  no Brasil inteiro, municípios elejam o maior número possível de mulheres para  prefeitas e vereadoras, a fim de que as mudanças que sonhamos comecem na base da federação. Parabéns a todas as homenageadas por estarem contribuindo com a sociedade petropolitana, através de múltiplas  ações, que hoje se fazem reconhecer com o prêmio Drª. Zilda Arns”, afirma Gilda Beatriz.

foto: José Paulo - CMP

Comentários