Marcus Curvelo é o novo secretário de Saúde de Petrópolis



Em meio a mais profunda crise na saúde pública da história o prefeito Rubens Bomtempo confirmou na tarde desta sexta-feira (11/12) a saída de André Pombo após dois anos a frente da Secretaria Municipal de Saúde. 

O novo secretário é o ex-diretor do Hospital Municipal Nelson de Sá Earp (HMNSE), presidente do Conselho Municipal de Saúde (Comsaúde) e atual diretor presidente do Instituto de Previdência dos Servidores Públicos de Petrópolis (Inpas), Marcus Curvelo.

Mesmo com a “boa vontade” de alguns dos principais veículos de comunicação da cidade que jamais deram destaque a parte do caos na saúde que cabe ao governo municipal, lideranças políticas já apontavam nos bastidores o desgaste do ex-secretário. 

Nas últimas semanas a crise na saúde foi o assunto mais comentado nas redes sociais nos principais grupos de debate relacionados à Petrópolis. 

As denúncias ao Ministério Público sobre o caos no Pronto Socorro, fiscalizações da Comissão de Saúde nas UPAs e no depósito de remédios do Hospital Alcides Carneiro, a “intervenção” da justiça para impedir o fechamento das Unidades de Pronto Atendimento que revelaram R$16 milhões em verbas enviadas pela União que chocaram a população que acreditava que não havia recursos para manter as unidades funcionando: O caos que para “bom entendedor” é possível identificar e deixar fora da conta de qualquer secretário de saúde para alguns pode ter colaborado para decisão. Mas para quem entende um pouco de futebol sabe que a culpa em muitos casos não é do técnico e sim do presidente do clube que não sabe contratar e administrar. 

Boa sorte em seus novos projetos André Pombo! 

Comentários

Anônimo disse…
Caiu apenas o Secretário de Saúde?????!!!!!!!