quinta-feira, 10 de setembro de 2015

Vereadora Gilda Beatriz intensifica vistorias nos abrigos de Petrópolis, RJ


Na manhã desta quarta-feira (09.09), dando continuidade à rotina de vistorias, a vereadora Gilda Beatriz (PMDB) visitou à instituição particular Casa de Repouso Árvore da Vida, localizada no Bairro Morin, em Petrópolis, Região Serrana do Rio.

– Após as irregularidades encontradas no Abrigo São Bento Cottoleno decidi intensificar a rotina de vistorias, um trabalho complexo, onde a nossa responsabilidade vai muito além da fiscalização e, em alguns casos, da denúncia. De acordo com o Estatuto do Idoso em seus arts. 3º e 33º, é obrigação da família, da comunidade, da sociedade e do Poder Público assegurar ao idoso, com absoluta prioridade, a efetivação entre outros do direito à vida, à saúde, à alimentação, à cidadania, à liberdade, à dignidade, ao respeito e à convivência familiar e comunitária, sendo a assistência social aos idosos prestadas na Lei Orgânica da Assistência Social, na Política Nacional do Idosos, no Sistema Único de Saúde e outras normas pertinentes – explica a Presidente da Comissão de Defesa da Pessoa com Deficiência e do Idoso, vereadora Gilda Beatriz (PMDB).

Instituição atua no município há 17 anos e atende a 39 idosos.

– A Casa de Repouso Árvore da Vida precisa realizar ajustes, mas fiquei satisfeita ao chegar de surpresa e encontrar o local limpo, a despensa abastecida, o almoço sendo preparado, os remédios, armários e quartos organizados. A Lei 7.181/14, de minha autoria, que obriga as instituições particulares assim compreendidas como casas de repouso, asilos, creches, escolas de educação infantil e similares, além de clínicas de atendimento e internação para pessoas com deficiência a instalarem câmeras de segurança no interior de suas dependências e em áreas externas de acesso e de circulação, sendo cumprida – completa.

Segundo a direção, quando são apontados problemas durante as vistorias, a instituição passa pelas adequações necessárias para atender melhor os idosos.

Nenhum comentário: