Prefeitura lança caderno de ensino religioso para escolas municipais



Professores, diretoras de escolas, estudantes da rede municipal e representantes das igrejas Católica e Luterana participaram, na quarta-feira (2/9), do lançamento do Caderno de Ensino Religioso, na Casa de Educação Visconde de Mauá, no Centro. Sob a forma de CD, o material didático foi construído ao longo de 2014 pela Prefeitura, por meio da Secretaria de Educação, em conjunto com um grupo de educadoras da rede municipal, para ser trabalhado em sala de aula pelos professores.

O lançamento foi realizado pela secretária de Educação, Mônica Freitas. Ela destacou o trabalho coletivo para a construção do caderno. “Este é um momento muito importante para a cidade, porque estamos avançando na formação humana dos alunos, ensinando cada vez mais os nossos jovens a respeitarem o outro. Esse material é fruto da necessidade de se trabalhar o ensino religioso de uma forma diferente. Cada um tem a sua religião, e todas têm que ser respeitadas. Além disso, uma característica do governo Rubens Bomtempo é que nada se constrói da Secretaria de Educação para as escolas. Toda proposta pedagógica sempre nasce dentro das unidades de ensino, em conjunto com as educadoras”, disse a secretária Mônica Freitas.

A proposta do material é capacitar os professores para trabalhar o ensino religioso do 1º ao 5º ano do ensino fundamental do município. É o primeiro caderno lançado pela Prefeitura para dar formação teórica aos professores para o ensino religioso. A coordenadora do ensino religioso da Prefeitura, Cristiane Noel, explicou que o material foi elaborado de modo a garantir o respeito à diversidade religiosa, com todas sendo respeitadas.

“Temos que respeitar a diversidade religiosa. Nas aulas, não podemos ser proselitistas, ou seja, ficar falando da nossa religião com os alunos como se fosse a única e verdadeira. O ensino religioso em Petrópolis será plural, respeitando todas as religiões. O Estado, como define a Constituição Federal de 1988, é laico, mas não é ateu. São coisas diferentes, mas que muitos confundem”, disse Cristiane Noel.

A coordenadora explicou também que o caderno trabalha religião de uma forma ampla, abordando temas como a relação do estudante com o outro, com o meio e com o transcendente. Cada escola receberá um CD, e a Prefeitura promoverá encontros de formação de professores.

O ensino religioso é oferecido na rede municipal de ensino de Petrópolis desde 1996 e está previsto na Constituição Federal de 1988, em lei federal (9.475/97), em lei municipal (6.917/2011) e no regimento interno das escolas municipais (resolução 001, de 3 de fevereiro de 2015).