Comissão mista de urgência faz primeiras diligências para apurar problemas na Saúde


MPE e vereadores estiveram no SAMU e no Corpo de Bombeiros

Criada com os objetivos de apurar os problemas e propor soluções para melhorar o sistema de entrada nas urgências e emergências de hospitais da rede pública de Petrópolis,  a Comissão Mista de Urgência e Emergência - composta por Ministério Público Estadual, integrantes da Comissão de Saúde da Câmara de Vereadores e da sociedade civil organizada -  iniciou nesta segunda-feira (14) os trabalhos de campo com reuniões na Central do Sistema de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e na sede do 15º grupamento do Corpo de Bombeiros – unidades responsáveis pelo socorro e direcionamento de vitimas de acidentes e pacientes em situação de emergência.

 “A intenção da comissão é apurar em campo, como está funcionando o serviço de urgência e emergência da cidade. Existem problemas pontuais no sistema que precisam ser resolvidos, mas nos parece que hoje há também uma falha na organização dos serviços”, avalia a promotora de tutela coletiva do MPE, Vanessa Katz, lembrando que as primeiras diligências fazem parte de um cronograma de trabalho que incluirá ainda visitas às Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) de Petrópolis e municípios vizinhos como Três Rios,  além de diligências aos Hospitais Municipais  Alcides Carneiro (HAC) e Nelson de Sá Éarp (HMNSE).

“Nestas primeiras conversas com os bombeiros e  com o SAMU alguns problemas foram pontuados. Entre eles a dificuldade no fluxo de atendimento dentro das unidades para casos graves como de Acidente Vascular Cerebral (AVC), por exemplo. Hoje um paciente com suspeita de AVC é levado para as UPAs, de onde precisa ser encaminhado ao HAC para fazer exames. Só então, caso seja confirmado o quadro, o paciente é levado para a unidade de saúde capacitada para cuidar do seu caso. É um tempo precioso que se perde neste trâmite e que pode prejudicar o paciente. A conversa com estes profissionais que atuam na ponta, fazendo o primeiro atendimento, também indicou que existe hoje necessidade de uma melhor integração do Hospital Alcides Carneiro ao sistema. Hoje os casos de trauma são direcionados para o Hospital Santa Teresa e os demais casos são referenciados para as UPAs, que nem sempre têm a estrutura necessária para o atendimento aos casos”, avalia o presidente da Comissão de Saúde, Vereador Silmar Fortes (PMDB). “É necessário também melhorar a integração entre os sistemas do SAMU e do Corpo de Bombeiros, para otimizar o primeiro atendimento”, completa a vereador Gilda Beatriz (PMDB).

A comissão mista foi criada a partir de duas audiências públicas realizadas na Câmara de Vereadores para tratar de problemas na rede pública de saúde como a falta de vagas para internação e cirurgias no Sistema Único de Saúde, por exemplo. “As audiências públicas são um instrumento importante na busca de soluções para os problemas enfrentados pela população. A saúde é uma questão urgente. O trabalho conjunto da Comissão de Saúde da Câmara, do Ministério Público e de todos os demais envolvidos, propondo soluções, certamente contribuirá para que o sistema de saúde da nossa cidade se torne mais eficiente”, pontua o presidente da Câmara de Vereadores, Paulo Igor (PMDB).

O trabalho de campo da comissão continua na próxima sexta-feira (18) com uma visita a UPA de Três Rios. “Este trabalho de campo é fundamental para que seja possível traçarmos um diagnóstico da atual situação da Saúde em Petrópolis. A identificação dos problemas é o primeiro passo para que possamos buscar as soluções. Além destas reuniões com o SAMU e com o Corpo de Bombeiros, vamos visitar a UPA de Três Rios, para verificar como é feito o atendimento naquele município, que parece que funciona bem.  Posteriormente visitaremos as unidades de Petrópolis.  A intenção da comissão é de concluir este diagnóstico até o fim do mês de novembro e entregar ao município as soluções propostas para melhorar  o funcionamento do sistema”, explica o coordenador dos trabalhos da comissão, Paulo Henrique de Almeida Rodrigues, professor do Instituto Social de Medicina da UERJ. No dia 22, a comissão visitará o Hospital Alcides Carneiro.  

As reuniões realizadas nesta segunda feira foram acompanhadas pelo diretor de Recursos Humanos da Secretaria de Saúde, Ricardo Patuléa, pelo vereador Ronaldo Ramos (Pros), e por demais integrantes da comissão Mista de Urgência e Emergência.

Além das visitas de campo às unidades, a comissão se reúne uma vez por semana na sala das comissões da Câmara de Vereadores para avaliar o material apurado e traçar as estratégias para continuidade dos trabalhos.     

Comentários