Câmara Municipal promove ato de repúdio contra o aumento do pedágio na BR040



Por iniciativa do vereador Maurinho Branco (SDD), presidente da Comissão de Transporte Público e Mobilidade Urbana da Câmara Municipal, a Casa promoverá um “Ato de Repúdio contra o Acréscimo da Tarifa Básica de Pedágio na Rodovia BR-040”, no próximo dia 11 de setembro, às 11h, no plenário da Casa. O evento pretende reunir não só autoridades públicas, como deputados, prefeitos e vereadores de Petrópolis e cidades vizinhas, mas também empresários e representantes da sociedade civil.

O vereador esteve em Brasília na última terça-feira, cobrando a revogação da Resolução nº 4.805/2015, que aumentou em 24,44% a tarifa do pedágio na BR-040, passando de R$9,00 para R$11,20. Ao lado do presidente da Câmara, vereador Paulo Igor, foi recebido pela Superintendente de Infra Estrutura Terrestre da ANTT, Viviane Esse, e pelo chefe de gabinete Paulo Improta, que prometeram realizar um estudo para avaliar se o aumento da tarifa estabelecido pela Concer foi realmente abusivo.

“Esse aumento foi realmente um absurdo, por estar muito acima do índice da inflação acumulado para o período, que foi de 8,89%. Mais absurda ainda foi a justificativa da Concer para o pedido de aumento, que segundo a concessionária foi motivada pela Lei 13.103/15, que permitiu que caminhões sem carga paguem pedágio apenas pelas rodas que estiverem no chão”, explicou o vereador, que cobrou também da ANTT uma fiscalização mais efetiva sobre a obra de nova subida da Serra. “Os prazos já estão atrasados e as paralisações constantes dos funcionários que reclamam de direitos trabalhistas também precisam ser acompanhados”, disse Maurinho.

Os vereadores voltaram da capital federal com a promessa da superintendente da ANTT de que a agência irá fazer uma análise mais detalhada, como o objetivo de reformular o valor hoje cobrado reduzindo o impacto para o usuário da rodovia. 

Comentários