Vereadora intervém para que haja justiça no caso da cadela atropelada por funcionário da Ampla



O atropelamento de uma cadela por um carro da concessionária de energia Ampla flagrado pela câmera de segurança de uma residência no Vale dos Esquilos, em Petrópolis, na última quarta-feira (15), gerou manifestações indignadas nas redes sociais.
O vídeo com as imagens do acidente foi divulgado no fim do dia pela dona da casa em uma rede social, salvo e replicado por protetores dos animais. O motorista fugiu sem prestar socorro ao animal.

Ao receber o vídeo por e-mail, a vereadora Gilda Beatriz (PMDB), demonstrou indignação e protocolou um pedido de providências a concessionária de energia.

“Chegou ao meu conhecimento, um vídeo onde um funcionário da ampla, atropelou uma cadela que estava amamentando, no bairro Vale dos Esquilos. Este funcionário em nenhum momento prestou socorro ao animal acidentado. Fiquei bastante horrorizada com as imagens que vi. Por isso, imediatamente encaminhei ofício com o relato para a Ampla, solicitando que todas as providências cabíveis sejam tomadas, tais como: a punição deste funcionário, por conta de sua omissão no momento do acidente e também que a empresa custeie todo o tratamento veterinário deste animal. Nesta sexta-feira (17), o executivo da Ampla em Petrópolis, José Américo Rocha, entrou em contato por telefone com meu gabinete para afirmar que o funcionário que estava ao volante já foi identificado e que todas as providências cabíveis serão tomadas. Segundo Américo, o tratamento da cadelinha será custeado pela empresa. Não podemos voltar atrás no que aconteceu, mas fazer justiça é preciso para que casos como este não se repitam”, explicou.

A cadelinha, que passou a ser apelidada de Vitória, passa bem.