quarta-feira, 13 de maio de 2015

Secretaria de Habitação participa do 11º Feirão da Casa Própria



O governo do estado, por meio da secretaria estadual de Habitação, vai estar presente na 11ª edição do Feirão Caixa da Casa Própria no Rio de Janeiro. Considerado o maior do ramo imobiliário, o evento contará, em 2015, com 22.344 imóveis, novos e usados, que estarão em oferta. Nesta edição, o foco da Caixa será o financiamento de habitação do Programa Minha Casa Minha Vida e das demais operações com recursos do FGTS, cujo teto máximo é de R$ 190 mil. O Feirão acontece sexta e sábado (15 e 16.05), das 10 às 21h e, domingo, de 10 às 18h, no Pavilhão 4 do Riocentro.

No estande da secretaria de Habitação, o órgão prestará contas das ações desenvolvidas pelo governo do estado nos últimos oito anos no setor da habitação de interesse social que beneficiaram quase um milhão de pessoas.  Além de novas unidades habitacionais, por meio dos programas de inclusão social executados pela Companhia Estadual de Habitação do Rio de Janeiro (Cehab) e pelo Instituto de Terras e Cartografia do Estado do Rio de Janeiro (Iterj), braços operacionais da secretaria de Habitação, o governo estadual investe em regularização fundiária, infraestrutura das comunidades e recuperação de moradias populares já existentes.

“O estado do Rio passou mais de 30 anos sem uma política habitacional e desde 2007 o direito à moradia, digna e de qualidade, voltou a ser uma das políticas mais importantes para o desenvolvimento humano em todas as cidades fluminenses. Hoje, atuamos em várias frentes que vão desde a construção de novas unidades à preservação das já existentes. No Feirão, estamos presentes de forma institucional, prestando contas e ainda auxiliando na informação sobre como se inscrever em programas habitacionais”, afirma Bernardo Rossi, secretário estadual de Habitação.

Em parceria com o governo federal, a Companhia Estadual de Habitação (Cehab-RJ), que soma 6.212 casas em oito anos - já construiu 3.254 unidades habitacionais. O mais recente empreendimento construído em parceria com o governo federal pelo Minha Casa Minha Vida fica em Xerém, Duque de Caxias. O conjunto residencial Vale da Mata – com entrega ainda em maio - recebeu R$ 16.125.000,00 do governo federal com aporte de R$ 4.887.827,01 do governo do estado e está sendo erguido na Rua Torres, número 80, próximo ao centro do distrito, em Duque de Caxias. Com captação de energia solar em cada casa e estação de tratamento de esgoto própria, o conjunto inova em sustentabilidade. Cercado de área verde, ele fica a 300 metros do terminal rodoviário do distrito e é de fácil acesso.

O programa Minha Casa Minha Vida já entregou no Estado do Rio 86.269 unidades, beneficiando 345 mil pessoas.  “Essa parceria tem sido fundamental para avançar a política habitacional no estado do Rio”, considera o secretário de Habitação apontando ainda a importância do Feirão: “eventos como este são uma das ações para facilitar a aquisição da casa própria. São 90 parceiros entre construtoras e imobiliárias com mais de 22 mil imóveis novos e usados. O papel da CEF e do governo do estado, que participa e apoia o Feirão, é aproximar o mercado dos compradores e facilitar para que as operações sejam feitas de forma sempre a beneficiar o futuro morador que realiza o sonho da casa própria”, completa Bernardo Rossi.

No Feirão, os visitantes terão acesso aos principais lançamentos, de imóveis novos e usados, disponíveis em todo o estado, com ênfase para o financiamento de  habitação do Programa Minha Casa Minha Vida e das demais operações com recursos do FGTS, cujo teto máximo é de R$ 190 mil. O evento terá 90 parceiros - 47 construtoras, 33 imobiliárias e 17 correspondentes imobiliários. Serão ofertados 13.932 imóveis novos e 8.412 imóveis usados, incluindo 5.221 imóveis enquadrados no programa Minha Casa Minha Vida (Faixas 2 e 3) para famílias com renda até R$ 5 mil, e Carta de Crédito FGTS (até R$ 190 mil), ou renda familiar até R$ 5.400,00.

2 comentários:

Flavia Euzebio disse...

Boa tarde, sou moradora de petrópolis e minha renda é 997,00, não tenho como dar uma entrada de 20%, consigo participar do feirao da casa própria, minha casa minha vida, e se tem alguma coisa em petrópolis, pois já está difícil pagar aluguel aqui. Se te ver alguma coisa me comunique por favor. Obrigado Flavia, 24 99207 7497.

Eduardo Ferreira disse...

Oi Flavia, no seu caso a melhor solução é participar do feirão e verificar a possibilidade junto aos gerentes de bancos que fazem o financiamento. É uma boa oportunidade, mas apenas lá será possível dizer exatamente quanto poderá comprometer da sua renda.

Obrigado por participar da nossa página. Eduardo Ferreira