terça-feira, 26 de maio de 2015

Petrópolis ganha primeira padaria sem glúten da Região Serrana



Considerada a intolerância alimentar mais comum do mundo, a Doença Celíaca, assim chamada a patologia que impede o indivíduo de ingerir glúten, afeta cerca de 2 milhões de Brasileiros. Embora a maioria desses casos ainda esteja sem diagnóstico, o aumento de sua incidência e o número de pessoas que resolvem retirar a substância da dieta têm crescido consideravelmente. Para atender esta demanda, Petrópolis ganhou a primeira padaria totalmente livre de glúten da Região Serrana. A unidade vai garantir a segurança no preparo dos alimentos e democratizar o acesso aos produtos, já que a venda direta ao consumidor garante preços mais competitivos.

Celíacos que consomem glúten correm mais risco de desenvolver diversas doenças crônicas, como diabetes, osteoporose, câncer intestinal, distúrbios psiquiátricos e até a morte. Além do diagnóstico tardio, quem precisa levar uma dieta regrada esbarra com a dificuldade em encontrar produtos sem a substância, mudança que coloca Petrópolis à frente de outras cidades. “Não são apenas as pessoas que sofrem com a intolerância que vão se beneficiar com a padaria. A retirada do glúten também é recomendada, por exemplo, para pacientes com diagnóstico de endometriose, autismo, mal de Parkinson, má digestão e doenças cardiovasculares e neurológicas. Mesmo indivíduos totalmente saudáveis deveriam reduzir a quantidade ingerida, já que o glúten está em praticamente tudo e seu consumo é muito exagerado atualmente”, alerta a nutricionista do X da Saúde Juliana Schaefer, acrescentando que o número de casos de intolerância aumenta gradativamente, seja por melhores métodos de diagnóstico ou pela presença exacerbada do glúten na alimentação.   

Segundo o Personal Trainer Felipe Vizeu, a eliminação do glúten também é recomendada para aqueles que praticam atividades físicas. “Se consumida em excesso, a substância prejudica o rendimento e pode inflamar o intestino.”, comenta.

O objetivo da nova padaria é oferecer todos os alimentos ofertados em um estabelecimento convencional. “A produção será diária. Teremos pães salgados, doces e de forma, além de cupcakes, brownies, cookies e salgadinhos”, explica o empresário Márcio Abreu. A unidade fica dentro da nova loja do X da Saúde, que conta com outros 300 itens isentos de glúten, além de produtos light, diet, sem lactose, integral e orgânicos. 
“Como a procura por este tipo de alimento é grande e temos à nossa disposição toda a estrutura para preparar os próprios produtos, conseguimos oferecê-los com um preço mais acessível ao consumidor, facilitando a compra para quem precisa seguir ou opta por este tipo de dieta”, acrescenta o empresário Douglas Abreu.

A padaria também dará aos moradores de Petrópolis a segurança de que não há contaminação, situação que também é enfrentada por quem sofre com a intolerância. “Da porta para dentro, o glúten não passa. Nós fiscalizamos todos os produtos, para que nada que tenha a substância entre na cozinha. Esse cuidado e preocupação garantem ao consumidor segurança total na hora de adquirir os alimentos aqui produzidos”, assegura a chefe de cozinha Marina Guerra, lembrando que todos os utensílios e equipamentos foram adquiridos para uso exclusivo da padaria, o que impossibilita a contaminação cruzada.

Serviço

X da Saúde

Rua Monsenhor Bacelar, 352 – Centro
Telefone: (24) 2231-3581

Praça da Inconfidência, 22 – Centro
Telefone: (24) 2231-2589

Funcionamento: de segunda a sábado, das 8h às 20h.

Nenhum comentário: