Sessão Solene marca 40 anos do Destacamento do Pico do Couto



A Câmara Municipal realizou nessa sexta-feira, 27 de março, sessão solene para homenagear os 40 anos de criação do Destacamento de Controle do Espaço Aéreo do Pico do Couto (DTCEA-PCO) em Petrópolis. A iniciativa foi do Vereador Meirelles (PTB) e estavam presentes representantes da Força Aérea Brasileira, Exército Brasileiro, Corpo de Bombeiros, Defesa Civil e Guarda Civil.

O Vereador Meirelles entregou placa comemorativa dos 40 anos do Destacamento ao Primeiro Tenente Pedro Mazzoni, atual comandante, o primeiro nascido em Petrópolis. Tenente Mazzoni assumiu o cargo em janeiro desse ano e muito emocionado agradeceu: “É uma honra receber uma homenagem tão bonita. Sinto-me extremamente lisonjeado e gostaria de dedicá-la ao efetivo passado e presente, além dos civis, em especial, Natalino e Vitral, aqui presentes.”

Além de Mazzoni, receberam moções, Leonidas Medeiros, comandante do CINDACTA I; Marco Antônio Kling, general da aeronáutica nascido em Petrópolis; Tenente Coronel Elias, Tenente Coronel Carlos Alberto e Tenente Coronel Walter Teixeira, todos ex-comandantes do Destacamento; Suboficial José Maurílio, militar do efetivo atual por mais tempo na unidade; Natalino e Vitral, civis há mais tempo na unidade. Também estavam presentes Valnete, Ana Cristina e Sebastiana Maria Henrichs que receberam a moção em nome do pai Pedro Henrichs, considerado o desbravador da estrada até o Destacamento.

Para o Brigadeiro Leônidas, a homenagem é importante, pois “o Destacamento faz um serviço anônimo para segurança da pátria e quando surge uma oportunidade dessas, só tenho que agradecer e parabenizar a todos os integrantes”. O Vereador Meirelles completou, “reconhecemos o esforço de vocês e consideramos que vocês são os verdadeiros heróis dessa nação”.

O Pico do Couto tem 1.772 metros e acesso pela BR 040, pela estrada do Rocio. O Destacamento foi criado em 1975 com o objetivo de controlar e proteger o espaço aéreo dos estados do Rio de Janeiro, Espírito Santo, São Paulo e Minas Gerais. A escolha da localização levou em consideração o posicionamento privilegiado em relação às regiões que necessitavam do serviço de controle aéreo.

Atualmente, o Destacamento é reconhecido pelas modernas instalações, com sistemas de radiodeterminação, o que incluem radares para o controle e a defesa do espaço aéreo, além de radar meteorológico. Possui um sistema de telecomunicações com diversos enlaces de rádio UHF e VHF e comunicação via satélite.

O Destacamento também apóia entidades externas, como o Exército Brasileiro, a Associação de Rádio Amador, empresas de telefonia, a Secretaria de Segurança do Estado, o INEA, a Defesa Civil e o SAMU. Tem projetos em escolas e nas comunidades próximas, além de dar apoio determinante na prevenção e mitigação de desastres naturais na região serrana.

O Destacamento de Controle do Espaço Aéreo do Pico do Couto trabalha todos os dias do ano, 24 horas por dia com o slogan: “Olhos ao céu em mãos seguras”. 

Comentários