sábado, 21 de fevereiro de 2015

Petrópolis: É necessário uma nova Audiência Pública sobre uso de charretes



Não faz muito tempo, a esposa de um condutor das tradicionais Vitórias, como são chamadas as charretes na Cidade Imperial, entrou em contato com a nossa página para defender-se das críticas, incluindo até pedidos de encerramento da atividade por parte da população e também de defensores de animais.

É fato que o tema passou da hora de ocupar a pauta política da cidade, mas em minha opinião, faltam ações concretas das autoridades locais para resolver a questão. 

Em 2013 aconteceu em Petrópolis uma Audiência Pública para debater o tema, mas segundo defensores dos animais, questões importantes como o Curral de Apreensão de Equinos que deveria ter sido entregue em março de 2014 e novos mecanismos para identificar e responsabilizar donos de animais encontrados maltratados e abandonados pela cidade precisam ser levantadas.

Em minha opinião, um novo e amplo debate é importe para que possamos encontrar juntos, uma solução que impeça o sofrimento dos animais sem retirar o sustento das famílias que dependem desta atividade para sobreviver, a Prefeitura de Petrópolis tem condições de qualificar os charreteiros e auxiliar na troca de atividade. Uma boa opção seria trocar as charretes pelo Tuc- Tuc, um modelo de triciclo motorizado com cabine para transporte muito utilizado em diversos países, sobretudo no Sul e no Sudeste da Ásia. 

É dever da Câmara Municipal reunir novamente representantes de sociedades protetoras de animais, Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Defensoria Pública e charreteiros para tentar buscar uma solução definitiva para o tema. 


Nenhum comentário: