sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

Câmara de Vereadores derruba veto a lei de Gilda Beatriz



Os vereadores derrubaram na sessão de ontem (12), com nove votos, o veto do prefeito a um projeto de lei de Gilda Beatriz (PMDB). Ela sugeriu os estabelecimentos das operadoras de telefonia na cidade fossem obrigadas a disponibilizar pessoal suficiente para que o atendimento ao público seja efetivamente em tempo razoável.

O projeto foi originalmente aprovado no final de dezembro. O veto aconteceu porque a prefeitura entendeu que é atribuição do Executivo criar essa determinação.

Mas a vereadora contestou o veto. Ela lembrou que o projeto tramitou com aval do setor jurídico da Casa e que respaldou, agora, a derrubada do veto. E também defende a ideia.

– São muitas as reclamações contra as operadoras de pessoas que ficam na fila uma hora esperando pelo atendimento. E muitas para resolver problemas criados por eles mesmos. Temos que coibir isso. É necessário que as operadoras aumentem o número de atendentes para fazer o atendimento em até 20 minutos, que é um tempo com bom senso – disse Gilda. 

via Diário de Petrópolis / Rômulo Barroso

Nenhum comentário: