Três carnavais cancelados e R$3 milhões para a saúde, será?



Eu não sou muito inteligente, mas juntei alguns palitos de picolés que me ajudam em assuntos mais simples, vamos lá:  O prefeito de Petrópolis, Rubens Bomtempo anunciou em 2013 o cancelamento do Carnaval no Centro da cidade e que os repasses, no valor de R$ 1 milhão, que iriam para o desfile das escolas de samba, seriam/serão investidos no setor de Saúde.

A decisão foi tomada durante reunião com o presidente da Fundação de Cultura e Turismo da época, Juvenil dos Santos e representantes de escolas e blocos da cidade. Até aí ‘morreu Xongas da Silva’.
Em 2014 também não tivemos carnaval e 2015 a situação se repete. R$1 milhão de 2013 + R$1 milhão de 2014 + R$1 milhões de 2015 me deixa ver... 

Apesar da grande repercussão que chegou a imprensa nacional, até o momento eu não vi nenhum veículo de comunicação publicar documentos que comprovem a aplicação desses recursos na saúde pública, alguém viu? O espaço esta aberto para qualquer pessoa que possa provar de onde saíram e onde foram investidos esses recursos. Não estou aqui para julgar, mas para cobrar e fiscalizar. 

#chupaessamanga 

Comentários