Petrópolis: Idoso é preso por abusar de filha de 3 anos

Homem estava sendo procurado desde maio do ano passado



Um idoso, de 64 anos, foi preso na tarde de ontem, acusado de estuprar a própria filha, de 3 anos. O indivíduo já era procurado pela Polícia Civil desde maio de 2014, quando o juiz da 2ª Vara Criminal determinou a sua prisão. Ele foi pego na Rua Friburgo, no Quitandinha, e levado para a 105ª DP, no Retiro.

Segundo o inspetor Renato Rabelo, que realizou a operação com o também inspetor de polícia Haroldo Peçanha, a prisão ocorreu às 15h. O idoso foi pego no imóvel onde morava sozinho. O policial revelou que a mudança do acusado de casa retardou a prisão. O endereço de registro do indivíduo era na Rua Amazonas, também no Quitandinha, onde morou com a mulher e a filha. No local onde teriam ocorrido os abusos.

Ontem, após ser preso, o homem que foi levado para a delegacia do Retiro. Segundo os agentes, ele aparentava ter feito uso de bebida alcoólica. Ele negou o crime, mas ficou preso por força do mandado de prisão preventiva, expedido pelo juiz Afonso Henrique Castrioto Botelho.

Nesta manhã ele será levado para o Complexo Penitenciário de Bangu, no Rio de Janeiro, onde ficará a disposição da Justiça, possivelmente até o dia do julgamento.

Registro

O registro do crime contra a criança aconteceu no dia 13 de maio do ano passado. Uma assistente social que fazia o acompanhamento da família notou que o comportamento da menina havia mudado, e ela apresentava atitudes incomuns. Ela pediu que a mãe observasse as atitudes do pai e da criança, e desde então o caso começou a ser investigado.

Com algumas provas dos abusos cometidos pelo homem e denúncias feitas por pessoas próximas, a Promotoria de Investigação de Penal (PIP), pediu a instauração de um inquérito para apurar o caso. Ao analisar as provas, o juiz expediu o mandado de prisão.

A mãe da criança se separou do acusado e atualmente mora com a filha no bairro Bonfim. 

Comentários