PRESENTE DE GREGO: Governo aumenta a passagem para R$ 3,20 em Petrópolis



A população petropolitana que já não tem uma saúde de qualidade, enfrenta as crises diárias na educação e o mais completo caos no trânsito, agora tem mais um motivo para protestar contra o governo do médico Rubens Bomtempo. A partir das 0h de 6 de janeiro, a passagem passa a ser de R$ 3,20, mas usuários do sistema pagarão 0,10 a menos, ou seja, R$ 3,10. A medida, que beneficia também os empresários que pagam vale-transporte aos seus funcionários, tem como objetivo garantir a recomposição da tarifa. 

A tarifa paga hoje pelos usuários do transporte público do município, de R$ 2,80, é a mesma que vigorava há dois anos. Em junho de 2013, a passagem sofreu redução de R$ 2,80 para R$ 2,65. Neste ano, sob a condição da integração de 100% das linhas de transporte do município, a tarifa voltou a R$ 2,80. 

Fica evidente que o governo socialista administra a cidade com ‘um rolo compressor’ e cabe ao legislativo um papel meramente ilustrativo. Alegando atender ao que determina a Lei Orgânica do Município, no que se refere ao reajuste da tarifa de passagem de ônibus, a Companhia Petropolitana de Trânsito e Transportes (CPTrans) encaminhou à Câmara de Vereadores, na tarde de terça-feira (23) – última sessão plenária de 2014 -  um ofício e cópias das planilhas de custo  e de uma ata de uma reunião extraordinária do Conselho Municipal de Transportes (COMUTRAM), em que o reajuste foi discutido.  A chegada do documento às 16h10,  durante a última sessão do ano, foi duramente criticada pelos vereadores. 

Mas no final o que aconteceu? Nada... A Câmara Municipal de Petrópolis aceitou, engoliu, abaixou a cabeça mais uma vez. E o povo ganha mais um lindo presente de Natal, o mesmo que a Maria ganhou na curva da feira.