Partido dos Trabalhadores responde a matéria do jornal Tribuna de Petrópolis

A direção do Partido dos Trabalhadores parece ter ficado irada com a matéria do jornal Tribuna de Petrópolis (que pertence ao nosso amado príncipe) sobre o fim da ajuda do governo federal a Região Serrana e disparou uma nota no mínimo interessante. O PT é liderado na cidade pelo jovem Yuri Moura que acaba de ganhar uns 100 pontos por aqui pela coragem. Como sou um menino bonzinho que não gosta de ver confusão e por isso segue todos os princípios éticos da boa imprensa internacional (se é que ela existe) disponibilizo para quem não teve a honra de ler a matéria da Tribuna o link AQUI e abaixo segue a nota do PT. 


NOTA OFICIAL: Com a publicação da notícia, “Governo Dilma suspende apoio à Região Serrana”, vinculada ao jornal “Tribuna de Petrópolis”, o Partido dos Trabalhadores de Petrópolis presta importantes esclarecimentos. 

O Programa Emergencial do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico Social (BNDES) de Reconstrução de Municípios Afetados por Desastres Naturais – BNDES-PER, com o objetivo de apoiar a retomada da atividade econômica em municípios afetados por desastres naturais, foi ferramenta importante de financiamento para empresas e microempreendedores, cooperativas, empresas individuais e produtores rurais de centenas de municípios das regiões Norte, Nordeste, Sudeste e Sul do Brasil.

Dentre os municípios contemplados pelo programa, no Sudeste, estiveram cidades da Região Serrana como Nova Friburgo, Teresópolis e Petrópolis, que recebeu operações de financiamento que superaram o valor R$ 320 milhões.

Em sua primeira etapa, o BNDES-PER autorizou a concessão de financiamentos no valor de até R$ 1,5 bilhão. Como R$ 700 milhões já haviam sido comprometidos com o BNDES PER Alagoas e Pernambuco (R$ 300 milhões) e o BNDES PER RJ (R$ 400 milhões), R$ 800 milhões foram efetivamente disponibilizados para o novo Programa. Neste ano, mais uma etapa foi lançada, desta vez, no valor de R$ 400 milhões disponíveis para financiamentos, e com vigência até o dia 31/12/14

Em aviso do dia 24 de outubro, o BNDES, comunicou que o protocolo de pedidos de financiamento do BNDES PER está suspenso, com o único motivo do comprometimento de recursos orçamentários, ou seja, o orçamento previsto pelo programa atingiu seu limite.

Com isso, repudiamos qualquer tentativa de assemelhar a suspensão do programa com os resultados das eleições em Petrópolis, ou em qualquer outro município. Entendemos como irresponsável omitir a informação de que o programa em questão contemplou municípios por todo o Brasil, cumprindo importante papel na recuperação socioeconômica destes. 

É inadmissível o uso tendencioso da notícia por parte daqueles que compõem apoio aos mandatários de nosso município ou integram a base política de opositores ao governo federal. Por fim, nos colocamos à disposição para mais esclarecimentos.

Comentários

Conta outra história, pode de ser uma da carochinha!