Profissionais fazem o enterro simbólico da educação na Câmara Municipal de Petrópolis




A Câmara Municipal de Petrópolis rejeitou a CPI da educação mesmo após as sérias denuncias e crises apresentadas nos últimos dias conforme noticiado em nossa página, os profissionais da educação hoje como uma forma de protesto e em busca de apoio para negociação que pode levar ao fim do impasse com o governo Bomtempo fizeram o enterro simbólico da educação. 

Bomtempo quer ser ministro de Marina Silva, mas não consegue dar três passos sem uma crise em Petrópolis, nossos vereadores estão perdendo a oportunidade de entrar para história. Apenas Anderson Juliano, Silmar Fortes e Gilda Beatriz votaram à favor da CPI.

foto: Fernando Vianna



Comentários