Nelson Sabrá é destaque em jornal da Região dos Lagos.



O município de Arraial do Cabo completou vinte e nove anos de emancipação político administrativo. A cidade que virou roteiro turísticos de brasileiros e estrangeiros, já foi distrito de Cabo Frio, e atualmente vive uma realidade dividida entre orgulho e desafios.
Atualmente, a cidade conta com quase vinte e oito mil habitantes, segundo dados do IBGE, e a principal atividade econômica é o turismo. A rede hoteleira gera diversos postos de trabalho, divididos entre hotéis e pousadas. O balneário composto por onze praias paradisíacas, ainda abriga um porto.

Para os cabistas, o processo de emancipação representa o avanço e esperança de mais recursos para o município. Quem vive em Arraial há muito tempo, observa o desenvolvimento com otimismo, mas acredita que outros investimentos devam ser direcionados para a região, considerando o potencial turístico da cidade.

Um acontecimento que marcou a economia da cidade foi o encerramento da única atividade industrial da região: o fechamento da Álcalis. A atividade industrial gerava diversos postos de trabalho, e atualmente está abandonada. O encerramento do processo industrial é encarado com muita tristeza pelos moradores da cidade, que ainda acreditam no crescimento, semelhante ao que aconteceu no processo de elevação do distrito à cidade.

A emancipação de Arraial é lembrada com muito orgulho por moradores antigos. Para o professor Aluysio Gonçalves, a elevação de Arraial a município representou a vitória da população, considerando que sempre foi algo muito desejado pelos moradores. “Arraial do Cabo sempre teve potencial, a atividade pesqueira era a principal fonte de renda dos moradores antigos, era preciso que a cidade fosse conhecida por outros aspectos, como o turismo. A emancipação da cidade foi um grande marco, pois representou a arrancada para a independência de outros municípios do interior do Rio de Janeiro”, explicou.

Até hoje muita gente é lembrada na luta pelo desenvolvimento de Arraial do Cabo. Muitos moradores, líderes e políticos trabalharam arduamente para conseguir a emancipação do município.

O engenheiro civil

Nelson Sabrá foi uma peça fundamental nesse processo. Na época, Deputado Estadual, Sabrá atuou fervorosamente na Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro a favor da emancipação. “Sou casado com uma cabista, e meus filhos praticamente cresceram aqui. Sempre enxerguei potencial econômico dessa cidade que eu amo. Atuamos de forma veemente na emancipação de Arraial, e ainda acredito muito no potencial daqui”, afirmou.
O aposentado Paulo Franco, militante e ex presidente do PDT ( Partido Democrático Trabalhista) de Arraial do Cabo também atuou na emancipação da cidade. “O processo de transformação de distrito à cidade já existia, sempre foi um desejo dos moradores daqui, mas faltava uma certidão financeira que provasse em números que Arraial poderia se tornar cidade. O Nélson Sabrá conseguiu essa certidão e provamos que poderíamos ser um município, esse fato foi muito comemorado por todos os moradores aqui”, disse.
Para Nelson Sabrá, é preciso trazer mais investimento para o município. “Na minha caminhada política, eu sempre foquei no bem-estar das pessoas, e para isso acontecer é preciso que a cidade seja desenvolvida economicamente. Eu lamento muito o encerramento da Álcalis, mas graças a emancipação, Arraial conta com esse belo porto. Acredito que podemos trabalhar para trazer mais coisas boas para a região”, afirmou.

Via A Shama

Comentários