terça-feira, 2 de setembro de 2014

Vereador encaminha denuncia de desvio de recursos da educação ao TCE-RJ e ao Ministério Público Federal.



O vereador Anderson Juliano, fiscalizou a documentação contábil recebida através de requerimento de informação solicitado ao Poder executivo municipal e constatou, com base nos documentos apresentados, que no exercício financeiro de 2013, o governo municipal através de processo n. 66126/2013 protocolado pela Secretaria de Fazenda, promoveu desvios na aplicação de recursos destinados à manutenção da educação básica municipal.

É importante frisar que os recursos desviados eram destinados ao pagamento de vencimentos e gratificações dos profissionais da educação municipal, quando no decreto 221 de 24 de outubro de 2013.

A manobra realizada visava restituir os recursos da Contribuição de Iluminação Pública (CIP) que custeava o pagamento do consumo de energia das unidades do ensino público, nos últimos cinco anos, em um total de R$ 7.732.951,02, mas que, ao efetuar a transferência de recursos foi desviado de forma a engordar o caixa municipal para executar outra finalidade diversa à educação básica do município, colocando estes recursos em fonte de aplicação livre (000), o que na prática permite destinar este montante a qualquer outra, não ressarcindo, necessariamente, a CIP, como era devido e justificado do referido processo administrativo, configurando uma fraude contábil.

Outra grave irregularidade constatada pelo vereador é o fato de, em virtude desta manobra contábil, as verbas destinadas à educação básica em Petrópolis no exercício de 2013 terem ficado abaixo do mínimo exigido pela Constituição Federal estabelecido no Art. 212 da Constituição.

Em razão das graves irregularidades constatadas, o vereador Anderson Juliano apresentou denúncias ao Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro, no dia 29/08/2014 e ao Ministério Público Federal, dia 22/08/2014.



Leia mais...

PESQUISA EM REDE SOCIAL INDICA VITÓRIA DE NELSON SABRÁ


Mais de 50% dos internautas que responderam a pergunta votariam em Nelson Sabrá

A campanha para Deputado Federal de Nelson Sabrá tem ganhado as ruas e as redes sociais. Segundo a assessoria do candidato, a adesão e o crescimento da popularidade de Sabrá são notórios, tanto que uma pesquisa espontânea em uma rede social indica a preferência pelo candidato no pleito de outubro.

A pesquisa foi promovida pelo grupo “Comunidade Petrópolis”, através de um post pergunta, sobre a intenção de voto para Deputados Federal e Estadual em Petrópolis, aos quase dez mil participantes. Sabrá liderou a pesquisa com mais de 50% das intenções de voto.

A publicação também rendeu quase cem comentários, a maioria demostrando apoio à candidatura de Sabrá. “Eu voto em candidato Petropolitano, pois sei que vão representar nosso município.Já os de fora, são candidatos turistas, e visitam nossa cidade de quatro em quatro ano”, comentou o internauta Vitor Pullig.

Na ruas, a campanha de Sabrá também tem crescido a cada dia. No último sábado (30), a coordenação da campanha promoveu o “mutirão do Sabrá”. Quase 15 equipes foram espalhadas por diversos bairros da cidade, como : São Sebastião, Valparaíso, Castelo, Mosela, Itaipava, Retiro, Bingen e outros. Houve colocação de placas, adesivação de veículos e caminhadas. Mais de cem pessoas participaram da ação. “O mutirão foi um sucesso, a vontade de mudar nos motiva ao limite da dedicação”, afirmou Jamil Sabrá, coordenador da campanha.

Até o final de setembro vão acontecer caminhadas e comícios domésticos. Um grande ato público está marcado para a próxima quarta-feira (03), às 18 h, no bairro Itamarati.
Leia mais...

Laudos para indenizações de 13 casas no Duarte da Silveira saem até o fim da semana Prazo foi dado pela Concer em reunião a pedido de Bernardo Rossi


Em desdobramento a audiência pública realizada na Assembléia Legislativa do Rio  (Alerj) mês passado, o presidente da Concer (Concessionária que administra o trecho Rio-Juiz de Fora da BR-040), Pedro Jonsson se reuniu na tarde desta segunda-feira (1º) com moradores do Duarte da Silveira, selando um compromisso assumido com o deputado estadual Bernardo Rossi. O deputado, que preside a Comissão Especial instituída pela Alerj para acompanhar as obras da nova pista da BR-040 e seus impactos na vida urbana de Petrópolis, vem acompanhando a situação dos moradores do Duarte da Silveira, onde 13 imóveis deverão ser desapropriados para a construção do túnel da nova pista de subida da Serra.

“É preciso que a concessionária se comprometa com os moradores e os informe claramente sobre o que vai acontecer. Estamos falando de pessoas que constituíram suas famílias, vivem naquela comunidade há mais de 30, 40 anos. Elas precisam receber orientações, ser informadas sobre prazos. Precisam saber como será o processo de desapropriação e quanto receberão por seus imóveis. Ficou claro nas audiências públicas que falta envolvimento da Concer com a comunidade da Duarte da Silveira, por isso consideramos estas reuniões um avanço”, considera Bernardo Rossi, lembrando que a Comissão, na Alerj, cobra o mesmo envolvimento  da empresa junto aos petropolitanos, que são os principais interessados na nova pista e os mais lesados em alta tarifa de pedágio e uma estrada em condições ruins.

A reunião aconteceu no início da tarde no canteiro de obras, próximo à comunidade. Moradores dos 13 imóveis que serão desapropriados para a construção do túnel da nova subida da serra foram informados que até o fim desta semana terão em mãos os laudos técnicos apontando os valores que deverão ser pagos como indenização para retirada das casas. O prazo foi anunciado pelo presidente da Concer Pedro Jonsson.  A entrega dos laudos é o primeiro passo para as negociações de desapropriação.

“Vamos esperar o laudo para saber qual a avaliação feita pelos técnicos da Concer. Nossa maior preocupação é que o valor que nos paguem não seja suficiente para que nossa família consiga adquirir outro imóvel em local seguro e com as condições que temos hoje aqui”, disse a moradora Fabiana Patrocínio, que mora em uma casa na rota da obra.

Além do valor que será pago pelas desapropriações, moradores, se preocupam com os impactos da obra nos demais imóveis. “As detonações para abertura do túnel são muito fortes, estremecem tudo dentro de casa. Nossa preocupação é  também com a segurança das casas que não serão retiradas”, diz a moradora Joseane Batista dias Ribeiro, que participou da reunião. O projeto inicial da concessionária previa a retirada de 45 propriedades mas foi  alterado, passando para 13 imóveis.  A alteração do projeto foi realizada no eixo do desemboque da rodovia.

“Dentro destas negociações, temos o compromisso de analisar, caso a caso, a situação de cada morador e buscar a melhor solução para viabilizar a desapropriação, causando o mínimo possível de transtornos. Quanto aos demais imóveis, nos já sabemos que não há risco estrutural decorrente das obras. Nada do que for feito irá comprometa-las. A Concer se responsabiliza, e não deixará de prestar assistência, caso aconteça qualquer problema decorrente das obras”, assegura Pedro Jonsson.

A reunião contou ainda com a presença de Alcimar Pena, gerente de engenharia da Concer e Claudia Ferrari Barbosa, advogada da Concer.  

Via ASCOM
Leia mais...

domingo, 31 de agosto de 2014

Mais 500 vagas gratuitas em cursos de ensino superior na UCP


Núcleo vai atuar para a empregabilidade dos formados

Com inscrições sendo abertas em novembro e aulas iniciando em 2015, a Universidade Católica de Petrópolis (UCP) e o governo do Estado vão oferecer mais 500 bolsas integrais em quatro cursos de ensino superior. O convênio que está sendo renovado por indicação do deputado estadual Bernardo Rossi (PMDB), traz uma novidade para assegurar a empregabilidade dos formados: a universidade está criando um Núcleo de Gestão de Relação com o Mercado para garantir rápida absorção da mão de obra que estará com diploma na mão entre dois e três anos. O convênio vai ser assinado nesta terça-feira (02.09), às 11h30, em cerimônia no campus Benjamin Constant da UCP.

“É uma vitória grande para a nossa cidade e tivemos o apoio do governador Luiz Fernando Pezão que abraçou a iniciativa porque entende que Petrópolis precisa de qualificação de mão de obra para estar no rumo do crescimento. O convênio ofereceu 300 bolsas em 2008, voltou ampliado em 2011 com mais 500 bolsas e agora outras 500 estão sendo oferecidas totalmente custeadas pelo governo do Estado”, afirma Bernardo Rossi apontando ainda que o convênio pode se tornar modelo de parceria entre poder público e entidades de ensino privado superior em todo o Estado.


FORMATO INÉDITO

“É um formato inédito no Estado e que está sendo aprimorado a cada renovação de convênio. A empregabilidade com apoio de um núcleo para aproximar o aluno ao mercado é uma iniciativa que vai trazer ainda mais motivação aos alunos”, considera o vice-presidente da Fundação Dom Cintra, Paulo Cerqueira, responsável pela seleção de alunos e formatação do modelo do programa.

Primeira instituição de ensino superior da cidade com 60 anos de fundação, a Universidade vai oferecer os cursos de Gestão da Qualidade, Controle de Obras, Logística e Manutenção Industrial, com forte demanda no mercado da região. Uma das preocupações é a variação de cursos a cada nova etapa para que a oferta esteja em consonância com as necessidades do mercado.

 “O convênio entre Estado com a UCP - parcerias bem sucedidas - são resultados de um comprometimento conjunto com o desenvolvimento tecnológico da região que permitem o ensino superior gratuito para os jovens e adultos.  A universidade entendeu e abraçou o contexto social da iniciativa beneficiando os que não podem arcar com os custos de um curso superior. É um passo crucial que  a universidade ajuda essas pessoas a dar em suas vidas, ao mesmo tempo em que nutre a cidade nos setores de formação profissional que ela precisa", considera Bernardo Rossi.
Leia mais...

Paulo Igor garante R$ 610 mil para cobertura e reforma de quadra no Morin


Escola já foi ampliada e reformada, por indicação do presidente da Câmara

Uma iniciativa do presidente da Câmara de Vereadores, Paulo Igor (PMDB) vai garantir um investimento de R$ 610.680,62 na cobertura e reforma da quadra de esportes no antigo campo do Cruzeiro do Sul – ao lado da Escola Municipal Luiz Carlos Soares, no bairro Morin. A maior parte dos recursos – R$ 487.500, são provenientes de verbas federais, destinadas pelo Ministério dos Esportes por meio de uma indicação legislativa do deputado federal Leonardo Picciani (PMDB). Em contrapartida, o município vai investir R$ 123.180,52. O convênio será assinado nos próximos dias. Ainda no primeiro mandato, em 2011, o vereador Paulo Igor, por meio de indicações legislativas, garantiu a ampliação da escola, que atende mais de 300 alunos do bairro.
“A cobertura desta quadra é muito importante para os alunos. Com ela as crianças terão um local adequado para a prática de esportes e atividades físicas. Os moradores do bairro também serão beneficiados, pois terão uma área de lazer perto de casa. Levamos esta necessidade ao deputado Leonardo Picciani, que fez a indicação e conseguiu os recursos federais para executar a obra”, explica Paulo Igor.

PREFEITURA APOIA PROJETO

O presidente da Câmara frisa a importância da contrapartida da prefeitura para a concretização do projeto. “O prefeito Rubens Bomtempo entende que este é um projeto importante para os moradores do Morin, por isso abraçou a ideia. Nos próximos dias o convênio com a Caixa será assinado. À partir daí, a prefeitura começa a elaborar o projeto”, anunciou Paulo Igor.
Após a formalização do convênio, o município deverá detalhar os projetos e orçamentos. “Com toda documentação entregue, o Município faz a licitação e a Caixa libera os recursos. Ficamos muito felizes por mais esta conquista para os alunos e para o bairro. O Morin tem cerca de oito mil moradores, esta obra vai permitir que não só os alunos tenham um espaço adequado para desenvolver atividades, como toda comunidade do Morin disponha de um espaço para ser usado nos fins de semana”, completa Paulo Igor.
Há dois anos, indicações do vereador Paulo Igor possibilitaram a ampliação da Escola Luiz Carlos Soares. Naquela ocasião, a unidade ganhou mais cinco salas, o que permite que tenha hoje 13 turmas. A escola atende estudantes do Ensino Fundamental completo (Educação Infantil até o 9º ano).

Via Diário

Leia mais...

sábado, 30 de agosto de 2014

Segunda dose da vacina contra o HPV começa a ser aplicada na próxima semana


A segunda dose da vacina contra o papiloma vírus humano (HPV) começa a ser aplicada segunda-feira (1º) em meninas de 11 a 13 anos. A vacinação será feita em escolas públicas e particulares e também em unidades de saúde. A primeira dose foi aplicada em março deste ano.

O secretário de Vigilância em Saúde, Jarbas Barbosa, lembrou que a vacina protege contra quatro subtipos do HPV (6, 11, 16 e 18). Os subtipos 16 e 18 são responsáveis por 70% dos casos de câncer de colo de útero, enquanto os subtipos 6 e 11 respondem por 90% das verrugas anogenitais. Jarbas alertou que a aplicação da segunda dose, seis meses após a primeira, é fundamental para garantir a imunização. "Sem a segunda dose da vacina, não há proteção".

O ministro da Saúde, Arthur Chioro, elogiou a taxa de cobertura de 87% na aplicação da primeira dose. Ao todo, 4,3 milhões de meninas entre 11 e 13 anos foram imunizadas. Chioro também reforçou a importância da segunda dose, cobrando forte mobilização dos estados e municípios e das redes pública e privada de educação.

"Precisamos garantir uma cobertura de pelo menos 80% na segunda dose", disse. "Com toda certeza, o sucesso da segunda fase vai se repetir neste momento e, com isso, vamos reescrever a história do câncer de colo de útero neste país", completou.

A vacina também está disponível nos postos de saúde para meninas que ainda não tomaram a primeira dose. Para receber a segunda dose, basta apresentar o cartão de vacinação ou documento de identificação. A terceira dose da vacina será aplicada cinco anos após a primeira.

Em 2015, a vacina será oferecida para meninas de 9 a 11 anos e, em 2016, para meninas de 9 anos. O ministério reforçou a importância do uso do preservativo como proteção contra as demais doenças sexualmente transmissíveis e da realização do exame conhecido como papanicolau em mulheres a partir dos 25 anos.

Via Diário
Leia mais...

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Ramon Mello quer ser seu representante em Brasília

O Blog do Eduardo Ferreira abre espaço para todos os candidatos a deputado federal e estadual por Petrópolis, confira as regras aqui
Conheça o candidato a deputado federal pelo PSDB Ramon Mello:


ASCOM: Casado com a Teresinha, pai do Pedro, petropolitano, advogado e político por vocação. Ramon Mello sempre trabalhou para conquistar seus objetivos. Aos 15 anos já trabalhava na feira de Piabetá, depois foi metalúrgico na Aalborg. Exerceu atividades na Fundação Municipal de Saúde, permanecendo como locutor nos finais de semana no Mercadinho Corrêas, para melhorar a renda e realizar o sonho do curso superior. Advogado com experiência em direito constitucional, administrativo e eleitoral, Ramon foi assessor técnico e político do deputado estadual Luiz Paulo até meados desse ano, quando aceitou o 
convite do PSDB para disputar as eleições de 2014. Ramon é o candidato à deputado federal do senador mineiro Aécio Neves. Jovem, porém experiente, e está preparado para ser deputado federal. 

Abaixo, propostas que tenham o objetivo de atacar os problemas urgentes e relevantes da nossa realidade:

Lutar por uma mudança na gestão da saúde, educação e segurança, pois entendemos que não falta dinheiro e sim má administração dos recursos;

Cobrar a criação de uma secretaria extraordinária que elabore uma proposta de reforma tributária, ocasionando a redução dos impostos cobrados no país;

Apresentar um novo modelo de concessão de aposentadoria que beneficie exclusivamente ao trabalhador; 

Buscar mecanismos que possam gerar oportunidades de emprego para os moradores da região Serrana;

Exigir que sejam estruturados espaços de apoio e escuta para a juventude.

Leia mais...

CAMPANHA DE SABRÁ GANHA FORÇA NAS RUAS


Candidato tem caminhado diariamente por diversos bairros de Petrópolis.

A campanha de Nelson Sabrá já ganhou as ruas de Petrópolis. Desde o último sábado (23), o candidato tem cumprindo diversas agendas e visitado vários bairros da cidade. No domingo (24), Sabrá esteve em um café da manhã com moradores do Carangola, onde pode conversar com eleitores e expor suas propostas.

Ainda no domingo, o candidato participou de uma feijoada em Nogueira, promovida pela Igreja Evangélica Assembleia de Deus. A campanha nos distritos tem ganhado força na ruas, principalmente nos quatro distritos, fora do Centro. Segundo a assessoria do candidato, atualmente são quase vinte líderes coordenando a campanha nesses pontos.

Durante a semana, Sabrá caminhou por localidades como : Calembe, Àguas Lindas, São Sebastião, e Rua Paulo Barbosa, no Centro da cidade . O presidente do PDT em Petrópolis e filho de Nelson, Jamil Sabrá, também tem comandado caminhadas. Na última quarta-feira (27), Jamil fez caminhada no pólo de moda do Bingen, onde recebeu apoio dos comerciantes. “Voto no Nelson porque ele é dez! Acho que ele é o homem certo para estar lá dentro, meu pai sempre votou nele e estou dando continuidade”, disse Mônica Silva, comerciante.

Além das caminhadas, a campanha segue com os comícios domésticos. Até agora já foram quase trinta reuniões, com participantes qualificados. Ao todo mais de 500 formadores de opinião e multiplicadores das ideias de Sabrá participaram dos encontros domiciliares, em todas as regiões de Petrópolis. “Temos recebido um apoio nunca visto em uma campanha. Os petropolitanos estão comigo nessa jornada, nossas caminhadas e encontros domiciliares têm dado um retorno muito positivo nessa caminhada à Brasília, tenho discutido as propostas para o mandato com os eleitores, e esse diálogo só acrescenta o processo”, explicou Sabrá. 

Via ASCOM
Leia mais...

Governo Bomtempo inicia uma guerra com os professores de Petrópolis


Enquanto o prefeito Rubens Bomtempo esta preocupado em eleger a candidata à presidência pelo PSB Marina Silva nossa cidade esta mergulhada no caos, saúde, educação, transporte, é Petrópolis a beira de um colapso. Ontem, mais um capítulo foi escrito de maneira surpreendente, por meio de nota encaminhada à imprensa, a prefeitura avaliou a paralisação dos professores da rede municipal, realizada quarta-feira (28) como uma atitude covarde. No texto, o governo afirma que o sindicato da categoria está transformando a negociação de melhorias para a categoria em um embate. 

Veja a nota na íntegra: 

"A Secretaria de Educação lamenta que o Sindicato Estadual dos Profissionais da Educação (Sepe), numa atitude covarde, esteja transformando a negociação de melhorias para a categoria em um embate, prejudicando não apenas alunos da rede municipal de ensino como também seus pais e responsáveis, que, em sua maioria, surpreendidos pela ação do grupo, ficaram impedidos de trabalhar. Segundo levantamento da secretaria, o movimento afetou o funcionamento de 17% das unidades educacionais do município – sendo Centros de Educação Infantil a grande maioria. A secretaria também anuncia que as faltas registradas serão descontadas. 

O governo municipal espera que os servidores e também os representantes do sindicato tenham bom senso e lembrem que o poder público nunca se furtou a dialogar com a categoria, sempre de forma responsável e levando em conta a Lei de Responsabilidade Fiscal. É importante, no entanto, deixar claro que há reivindicações inviáveis diante do atual cenário econômico nacional, não sendo, portanto, uma realidade exclusiva de Petrópolis. 

A Secretaria de Educação agradece os servidores que não aderiram ao movimento, reconhecendo o esforço do governo municipal para avançar e, principalmente, respeitando os alunos e seus familiares. 

Desde janeiro de 2013, o município já garantiu avanços significativos à categoria, como o enquadramento de 1.125 servidores no Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) – processo que estava congelado desde 2011 – e reajustes salariais acima da inflação - 8% de reajuste salarial em 2013 e 8% em 2014, que representaram um ganho real para os profissionais. Além disso, em um ano, 1.101 profissionais foram convocados e, hoje, já atuam na rede"
Leia mais...

quarta-feira, 27 de agosto de 2014

Presidente da Câmara homenageia Diário de Petrópolis



Em solenidade realizada nesta quarta-feira (27) o presidente da Câmara de Vereadores, Paulo Igor (PMDB)  fará uma homenagem aos 60 anos do jornal Diário de Petrópolis.  O periódico foi fundado em 24 de agosto de 1954 e se destaca pelo serviço prestado à população petropolitana e pelo compromisso com os interesses da cidade.  “A Câmara não pode deixar  de destacar a importância de um veículo que ano após ano reafirma o seu compromisso  com a democracia, com o crescimento e ao mesmo tempo com a preservação  da nossa  cidade. Em um momento em que vemos crescer a divulgação de notícias na internet , é importante que a sociedade tenha veículos de informação segura, como o Diário de Petrópolis. É um jornal que  trata a notícia de forma responsável.   Diariamente vemos nas páginas do jornal impresso, assim como na versão online,  questões importantes para a nossa cidade sendo apresentadas e debatidas de forma séria e responsável, isso só traz benefícios para a população e para Petrópolis", pontua  o presidente da Câmara de Vereadores, Paulo Igor .

     A homenagem será realizada às 19h no plenário  e terá a presença  do diretor do periódico, Paulo Antônio Carneiro Dias, que há 42 anos está no Diário de Petrópolis, sendo o mais antigo diretor à frente de um veículo de comunicação em Petrópolis.  “Paulo Antônio  é um diretor experiente, e a homenagem se estende a todos os profissionais do jornal, uma equipe coesa e conscienciosa de seu papel de transformação da sociedade.  É importante para a cidade ter um veículo comprometido com a cidade e com a população. Trabalho que vem sendo muito bem feito pelo Diário de Petrópolis”, frisa Paulo Igor.

Na solenidade também será prestada homenagem à Associação  Petropolitana de Pacientes Oncológicos (APPO), ao Centro de Terapia Oncológica  e a Rádio Serra. “São entidades que prestam um serviço importante para os pacientes oncológicos, pessoas  que precisam e devem receber todo apoio no difícil momento de lutar contra o câncer”, destaca o presidente da Câmara.  As homenagens acontecem após a entrega de moções feita pelos vereadores. 
Leia mais...

Alerj aprova Novo Código de Ética em segunda discussão



A Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) aprovou nesta terça-feira (26/08), em segunda discussão, o projeto de resolução 1.165/09, que modifica o Código de Ética e Decoro Parlamentar. A proposta votada, de autoria do Conselho de Ética, aprimora e corrige distorções do antigo código, como, por exemplo, a ocupação de funções pelo corregedor e o corregedor substituto. Pelo novo texto, ambos podem participar de comissões, assumir lideranças partidárias ou de blocos.

Eles poderão, ainda, participar das deliberações do Conselho em defesa do decoro, com direito a voz e sem voto, competindo-lhes promover as diligências de suas alçadas necessárias aos esclarecimentos dos fatos investigados. O corregedor e seu substituto não podem fazer parte da Mesa Diretora. O texto deixa claro que as sindicâncias são ações que cabem aos corregedores, sendo procedimento preliminar da investigação por quebra de decoro.

Das 32 emendas apreciadas, 14 foram aprovadas em primeira discussão. Entre elas está a que veda o relator no Conselho de Ética de votar recursos impetrados na Comissão de Constituição e Justiça contra ato de sua autoria; uma que fala que, em caso de ilícito praticado por deputado, no âmbito da Alerj, caberá ao corregedor e, no impedimento deste, seu substituto, presidir inquérito; e outra que determina que a suspensão da prerrogativas regimentais será aplicada pelo Plenário, em votação aberta e por maioria absoluta de votos.

Já na segunda discussão, o projeto recebeu mais 80 emendas, das quais 28 foram incorporadas ao projeto. Está entre elas a suspensão temporária do mandato com perda salarial em caso de atos incompatíveis com o decoro parlamentar; a representação de partidos contra deputados; e a que sustenta que serão observados no inquérito o Código Penal, o Código de Processo Penal, as Leis Extravagantes e os regulamentos policiais do estado.

O texto diz ainda que para a apuração de fatos e de responsabilidades poderão ser solicitadas diligências ao Poder Judiciário, ao Ministério Público, ao TCE e às autoridades fazendárias ou policiais, bem como solicitar contratação de serviços de perícia ou consultoria privada, por intermédio da Mesa Diretora. “A aprovação de hoje vem coroar uma necessidade de adequar o código aos aspectos constitucionais, dando legitimidade ao corregedor e ao corregedor substituto. Ele preserva a função parlamentar do corregedor que, nesse aspecto, poderá, por exemplo, participar de comissão e liderar bancadas”, avalia o presidente do Conselho, deputado Jânio Mendes (PDT).
Leia mais...

Paulo Mustrangi quer ser seu representante na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro

O Blog do Eduardo Ferreira abre espaço para todos os candidatos a deputado federal e estadual por Petrópolis, confira as regras aqui.
Conheça o candidato a deputado estadual pelo PT Paulo Mustrangi:


ASCOM: Sou Paulo Mustrangi. O Paulo da Vila, o Paulão do Sindicato. Já fui conhecido por todos esses nomes, mas continuo sendo sempre o mesmo Paulo. Casado, pai de família e morador da mesma rua e mesma casa no bairro do Itamarati; de origem humilde e do povo como você. Talvez você me conheça melhor como o Mustrangi. Fui prefeito de Petrópolis e posso afirmar que fiz muito por nossa cidade. 

Tive a coragem de fazer intervenção no sistema de transporte, enfrentando 23 ações judiciais para implementar um transporte público de qualidade, com 220 novos ônibus e adaptados para os deficientes físicos. Acabei com transbordo do Alto da Serra e promovi a abertura do Terminal do Centro e a implantação do Bilhete Eletrônico. 

Trouxe as UPAs para Petrópolis - a primeira cidade do interior a ter duas. Durante a minha gestão as UPAs tinham 93% de aprovação. Resgatei e ampliei os convênios com os Hospitais Santa Teresa e Casa da Providência. Reformei e ampliei os prontos-socorros Nelson de Sá Earp e do Alto da Serra. Tripliquei o número de UTIs na cidade e instalei as Unidades Básicas de Saúde (UBS) do Quitandinha, Mosela e Itaipava. Trouxe o SAMU para Petrópolis e reformei diversos Postos de Saúde em toda cidade.

O Cartão Imperial, criado por mim, trouxe dignidade para mais de oito mil famílias que, agora, podem escolher os produtos no comércio local. No meu governo também foi sancionada a Lei de isenção do IPTU para o idoso (6.930/12). 

Na área de Educação, criei o Plano de Cargos, Carreira e Salários (PCCS). Reformei 55 escolas e construí 10 novas creches e reformei outras 17, dobrando o número de vagas na educação infantil. Instalei 123 laboratórios de informática em todas as escolas e entreguei mais de 13 mil netbooks dentro do Projeto Petrópolis Inteligente. Meu governo implantou o Projeto Mais Educação, que introduziu o ensino em período integral em mais 65 escolas.

Garanti a volta da Cervejaria Bohemia, ampliação da GE Celma, a instalação da nova GE Energia e diversas empresas que aumentaram os postos de trabalho na cidade. Fiz um governo correto, deixei a prefeitura com R$ 78 milhões em caixa. Trabalhei muito, sempre buscando fazer o melhor com dignidade, compromisso e respeito ao cidadão petropolitano. 

Agora, QUERO SER o seu Deputado Estadual, para fazer muito mais por nossa cidade e Região Serrana. Por isso, peço o seu voto de confiança para que, com toda a experiência adquirida, possa representá-lo na Assembleia do Estado.

Leia mais...

terça-feira, 26 de agosto de 2014

Pablo Kling quer ser seu representante na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro

O Blog do Eduardo Ferreira abre espaço para todos os candidatos a deputado federal e estadual por Petrópolis, confira as regras aqui.
Conheça o candidato a deputado estadual pelo PRB Pablo Kling:


ASCOM: Pablo Kling é candidato a deputado estadual pelo PRB, Partido Republicano Brasileiro. Aos 31 anos de idade, Pablo tem como metas a renovação e a vontade de fazer a diferença no cenário político estadual, começando pela transparência e educação. “Acredito que essa mudança que todos clamam está na força da educação e da responsabilidade com o que é público. São muitas as pessoas que vendem seu voto e não são essas que quero alcançar durante a campanha. Essas, eu quero alcançar com a realização de nossas propostas para a educação", afirma o candidato.

Uma das principais propostas atua diretamente na Educação e muda completamente a capacidade de discernir do jovem, principalmente no momento em que ele tem a oportunidade de exercer a cidadania: voto. O projeto, que entra no plano de governo do candidato a Governador do Estado do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, visa a criação da matéria Políticas Públicas no Ensino Médio, tendo como conteúdo o ensino das diferentes esferas dos três poderes.

Para Pablo, não basta apenas renovar os políticos, mas sim, o pensamento e a forma de fazer política. A partir daí, é possível almejar um futuro mais digno para a população. “Precisamos olhar pra frente e agir agora para que o amanhã seja diferente, ter visão e coragem para propor as mudanças que precisamos! Não basta fazer emendas e conseguir recursos para nossa cidade, é preciso fiscalizar sua aplicação. Precisamos ter respeito com o que é público!”

Dentre suas prioridades, está ser um deputado atuante, presente em Petrópolis e nas sessões da Assembléia Legislativa, um servidor do povo. Para a cidade, estão previstas emendas para a saúde, como a implantação de uma UPA, entre os distritos de Itaipava e Pedro do Rio. Outra realidade que chegará a cidade é o Projeto Cimento Social, que tem como objetivo ajudar as famílias de comunidades carentes a construírem suas casas com estabilidade estrutural e condições sanitárias, tornando suas moradias mais dignas.

“A principal expectativa é poder colocar em prática todas as nossas propostas de campanha. Quero ver o meu Rio de Janeiro um exemplo para o Brasil no tocante à educação, saúde e segurança pública”, conclui o candidato que vai abrir mão do sigilo fiscal e bancário pessoal e de todos os que forem nomeados em seu gabinete.
Leia mais...

Prefeitura de Petrópolis esquece de construir uma rampa para deficientes físicos em Corrêas



A Prefeitura de Petrópolis realizou uma ótima obra na entrada da ponte de Corrêas com a troca do ponto de ônibus e reparos na calçada, apenas um ''detalhe'' foi esquecido, UMA RAMPA para deficientes físicos que ao atravessar na faixa precisam da ajuda de pedestres para subir na calçada ou simplesmente não terão outra opção, a não ser dividir espaço com os carros até chegar à praça.

É revoltante!

Leia mais...

domingo, 24 de agosto de 2014

Nelson Sabrá quer ser seu representante em Brasília

O Blog do Eduardo Ferreira abre espaço para todos os candidatos a deputado federal e estadual por Petrópolis, confira as regras aqui
Conheça o candidato a deputado federal pelo PDT Nelson Sabrá:

ASCOM: Comecei a minha vida pública aos 28 anos de idade, em 1977, presidindo a COMDEP;
urbanizamos o acesso a vários bairros de Petrópolis. Criamos o Departamento de Obras Comunitárias, que hoje é a SETRAC.

Meu pai, Jamil Sabrá foi prefeito de Petrópolis. Cresci aprendendo o ofício da política limpa e de serviço à comunidade. Sou formado em Engenharia pela EEUFF (Universidade Federal Fluminense) e aperfeiçoei a carreira cursando o mestrado pela PUC-RJ.

Fui diretor da Valesul, grupo Vale do Rio Doce, professor da Escola de Engenharia da
UFF estive a frente da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia e Agricultura de Petrópolis. Fui Deputado Estadual, entre os anos de 1983 a 1987, e Deputado Federal Constituinte, no período de 1987 a 1991.

Como Deputado Federal, ajudei a construir a nossa Constituição de 1988 .Revoguei o fator previdenciário das aposentadorias, nivelando à época, os benefícios da previdência, ao salário mínimo; criamos a Reserva do Alcobaça, em Cascatinha-Petrópolis, hoje integrada ao PARNASO – Parque Nacional da Serra dos Órgãos; liberamos mais de 40 milhões de dólares do Banco Interamericano de Desenvolvimento para obras de infraestrutura em Petrópolis, asseguramos a posse daqueles que residiam no Morro das Oficinas, em área de propriedade da Rede Ferroviária Federal.

Como Deputado Estadual, iniciei as construções das habitações dos moradores de Madame Machado – Itaipava liderei as emancipações das Cidades de São José do Vale do Rio Preto e Arraial do Cabo, na Região dos Lagos.

Quero assegurar o Desenvolvimento Econômico, gerando empregos; tive a oportunidade de criar o Distrito Industrial da Posse, local propício ao assentamento de indústrias, nos mesmos padrões de Três Rios; é uma questão de tempo, vontade e experiência!

Vamos trabalhar pela federalização da educação, estabelecendo a jornada acadêmica em tempo integral, com bons salários aos professores. É preciso aprimorar a nossa Segurança Pública, assegurar recursos para a Saúde, garantir o direito à Casa própria. Vamos trabalhar para o fim do voto obrigatório, fim da farra das nomeações de desembargadores e ministros, por livre arbítrio, dos Chefes dos Poderes Executivos! Pela experiência acumulada, pelo passado e presente, por tudo que fiz e pelo que falta fazer, “quero ser o seu representante na Câmara dos Deputados!”.


.

Leia mais...