quinta-feira, 22 de junho de 2017

PC&VB, Gilda Beatriz e Hugo Leal reforçam parceria para trazer recursos federais para Petrópolis

Projeto pode trazer R$500 mil para o município


O presidente do Petrópolis Convention & Visitors Bureau (PC&VB) Samir El Ghaoui, recebeu na última segunda-feira (19.06), Fernando Simão e Roberto Macedo representantes do deputado federal Hugo Leal, a vereadora Gilda Beatriz e o subsecretário de Desenvolvimento Marcelo Machado, para definir detalhes sobre o projeto que pode trazer R$ 500 mil para o turismo no município da Região Serrana.

“O poder público poderá contar sempre com a colaboração do PC&VB para o fomento do nosso destino. Petrópolis precisa de eventos permanentes que estimulem o fluxo contínuo de turistas, para isso, precisamos pensar juntos no desenvolvimento desses projetos para que a aplicação dessas verbas traga  resultados eficazes para o nosso turismo”, disse Samir El Ghaoui, que estava acompanhado por Flávio Câmara, Conselheiro do PC&VB.

Para o deputado Hugo Leal, existe um movimento de união nascendo para alavancar a economia do município.

“Ouvir a entidade que representa o segmento de turismo receptivo, o executivo e o legislativo, é fundamental antes de definir para quais áreas buscaremos recursos para a cidade. Nossa parceria vai além de questões políticas, Petrópolis tem um grande potencial turístico que vai além dos museus maravilhosos e da história da família imperial; já somos um polo cervejeiro que abriga diversas empresas e diferentes marcas de cervejas. Mas a visão do empresariado é diferenciada e vai nos ajudar a direcionar ações”, afirma o deputado que viabilizou um projeto no valor de R$ 500 mil para o turismo.

O trade turístico encaminhou novas sugestões para o legislativo através da vereadora Gilda Beatriz.

“O calendário fixo de atividades para o município, sugestão do PC&VB que Indiquei ao executivo sairá do papel. Isso mostra que o compromisso do prefeito Bernardo Rossi e do secretário da TurisPetro, Marcelo Valente, para fomentar o turismo. Já marquei uma reunião com o prefeito para a próxima semana para garantir a participação do governo na definição de como serão investidos esses recursos dentro da área. O prazo é curto, mas juntos podemos fazer o que é preciso para trazer emprego e renda para o município. Na verdade, é disso que estamos falando, turismo é o pilar principal da nossa economia e uma porta para fugir da crise fortalecendo nossa cidade como destino em várias vertentes”, destacou a vereadora, lembrando que o deputado Hugo Leal se colocou à disposição para atuar também em outros projetos apresentados junto ao governo federal ainda em andamento como no caso da causa animal. 
Leia mais...

R$ 4 milhões: Em Brasília, prefeito consegue recursos do Ministério da Saúde para Petrópolis



O ministro da Saúde, Ricardo Barros, se comprometeu a liberar o recurso de R$ 4 milhões para o município relacionado a 8 emendas parlamentares. O anúncio foi realizado em um encontro em Brasília, nesta quarta-feira (21.06), ao prefeito Bernardo Rossi, acompanhando do secretário de Saúde, Silmar Fortes. O município conquistou ainda o credenciamento do Centro de Atenção Psicossocial - Caps - de Itaipava e da criação do Núcleo de Apoio à Saúde da Família. Ricardo Barros solicitou o envio do projeto da unidade de pronto atendimento que será instalado em Itaipava e outro de ampliação da maternidade do Hospital Alcides Carneiro.

“Apresentamos ao ministro Ricardo Barros as demandas mais urgentes para melhorarmos a infraestrutura nos hospitais e postos de saúde, como a necessidade de recursos para obras e equipamentos para o Hospital Alcides Carneiro, Hospital Municipal Nelson de Sá Earp e a liberação dos recursos federais de emendas já aprovadas para a Saúde, são R$ 4 milhões que deverão ser liberados para o município ainda neste semestre”, anuncia o o prefeito Bernardo Rossi.

Das emendas aprovadas R$ 750 mil foram apresentados pela deputada Jandira Feghali; R$ 1,5 milhão, do deputado Hugo Leal; R$ 270 mil e R$ 300 mil dos deputados Laura Carneiro e Roberto Sales, respectivamente; R$ 100 mil do deputado Cabo Daciolo; R$ 300 mil do deputado Celso Jacob; R$ 350 mil do senador Romário e R$ 400 mil do deputado Fabiano Horta. Os valores são destinados à instalação de novas unidades básicas de saúde, aparelhos, incrementos e pesquisas.

No encontro, o ministro Ricardo Barros, prometeu empenho na aprovação de projetos de ampliação de unidades e serviços de Saúde. “O prefeito e o secretário pontuaram as necessidades imediatas do município, solicitamos que elas nos sejam enviadas como propostas e projetos para que possamos analisar e destinar o envio das verbas”,  garantiu o ministro.

Para o secretário de Saúde, Silmar Fortes, ter o apoio do Ministério da Saúde com o envio de recursos importantes para a pasta da cidade representa um avanço no atendimento a população.

 “Ao passo que todo governo está trabalhando para enxugar despesas, pagar dívidas e ajustar as contas ao orçamento do município, é preciso buscar mais recursos federais. Agora teremos verba para investirmos em um novo mamógrafo digital para o HAC, um novo aparelho de densitometria óssea, ultrassonografia, para instalação de uma nova UBS e pesquisas”, completa Silmar Fortes.​
Leia mais...

Greve dos profissionais da Educação em Petrópolis continua hoje (22.06)



Fonte: Diário de Petrópolis / Por Philippe Fernandes - Após o adiamento da votação do projeto de lei que reduz a carga horária de 1,8 mil profissionais de apoio administrativo da Secretaria de Educação, o Sindicato Estadual dos Profissionais da Educação (Sepe-RJ) organizou uma greve de 48 horas na rede municipal de ensino, com início nesta quarta-feira (21). De acordo com a Prefeitura, no entanto, o movimento teve baixa adesão: apenas nove Centros de Educação Infantil, das 186 unidades da rede municipal, não funcionaram. O funcionamento foi parcial em duas escolas e 13 CEIs. Nenhuma escola teve as atividades totalmente paralisadas.

A proposta de diminuir a carga horária de 40 para 30 horas semanais destes profissionais regulamenta um decreto municipal assinado no dia 1º de maio.

De acordo com a Secretaria de Educação, o projeto atende a uma reivindicação da categoria e foi realizada após um estudo do governo municipal, que percorreu todas as unidades escolares e levantou o número de funcionários de cada unidade.

A lei teria por objetivo dar garantias de que essa redução seria permanente, não podendo ser alterada posteriormente, mas foi retirada de pauta por conta de um inquérito aberto pelo Ministério Público para esclarecer algumas questões relacionadas ao decreto do dia 1º de maio. De acordo com o presidente da Câmara, vereador Paulo Igor, uma reunião entre representantes do MP, da Câmara e do Sepe, marcada para esta quinta-feira (22), pode decidir a questão.

- Há um inquérito instaurado no MP para analisar a questão. Uma reunião foi marcada para amanhã (hoje). Iremos com o procurador da Câmara, o procurador-geral do Município e representantes do Sepe para levar os nossos argumentos e encontrar uma solução. A Câmara já analisou, os vereadores em sua maioria são favoráveis, e se tudo estiver ok ele estará pronto para aprovação. Se tiver outra questão, vamos corrigir – disse Paulo Igor.

De acordo com Igor, a retirada de pauta se deu para que a lei a ser aprovada seja mais consistente, sem questionamentos no futuro.

- Acredito que essa é uma oportunidade das partes se manifestarem. A nossa preocupação é de que a lei possa vigorar. Não adianta ter uma lei capenga, que possa ser questionada no futuro e os servidores saírem de 30 para 40 horas de novo. É melhor perder uma semana, 10 dias para analisar, ter garantia, do que votar de afogadilho e gerar um transtorno maior – disse.

A coordenadora do Sepe em Petrópolis, Rose Silveira, alega, no entanto, que o projeto de lei poderia ser votado sem problemas, uma vez que o inquérito do MP é referente ao decreto, e não ao projeto.

- Foi com surpresa que nos avisaram de que havia investigação sobre o decreto. Para reduzir a carga horária, foi feito um estudo pela Secretaria de Educação e pelo Sepe, e a proposta está dentro do que foi aprovado no Plano Municipal de Educação. Nesta quinta-feira, vamos esclarecer as dúvidas na reunião, e esperamos que a Câmara vote o projeto para que a normalidade volte às escolas, uma vez que a nossa pauta é muito extensa – disse, lembrando que o sindicato participou dos estudos realizados com a Prefeitura.

A Secretaria de Educação destacou ainda que a movimentação de funcionários e o número de contratações necessárias para que as 30 horas sejam implantadas também foi feita, e que o governo municipal está à disposição do legislativo e do judiciário para esclarecer sobre o tema.

Sisep quer benefício para outros setores

Em assembleia realizada na noite de quarta-feira (20), os servidores municipais decidiriam a carta de reivindicações que será entregue ao governo municipal na data-base da categoria. Entre as propostas, está a redução da jornada de trabalho para os servidores dos setores administrativos de todas as secretarias.

O Sisep considera como “fundamentais” itens como a redução da carga horária de 30 horas para os servidores do setor administrativo, a implantação da carga horária de 12 por 72 horas e 24 por 96 horas para os servidores da saúde e 30 horas para quem trabalha na administração da Secretaria de Saúde. A mesma carga horária o Sindicato está reivindicando para a Guarda Civil Municipal e para os funcionários da Companhia de Desenvolvimento de Petrópolis (Condep) e a implementação do Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS) para os trabalhadores da Comdep.

Para o presidente do Sisep, Oswaldo Magalhães, a redução da carga horária vai melhorar a qualidade do serviço prestado a população e, principalmente, melhorar a saúde do trabalhador.

- A luta pela redução da carga horária é importante, pois vai contribuir diretamente para saúde, pois um trabalhador sadio e descansado, o serviço prestado para sociedade é muito melhor. Por isso o Sindicato apoia a redução da carga horária e apoiamos qualquer luta que tem por objetivo melhorar as condições de trabalho dos trabalhadores – disse.

Outra proposta é o reajuste salarial de 8,47% e a revogação da lei que suspendeu o reajuste de 6,2%, que deveria ter sido concedido em janeiro. A pauta apresentada pelo Sisep ainda prevê a criação de um abono salarial de R$ 200 para todos os servidores municipais. O Sindicato reivindica a antecipação do pagamento da primeira parcela do 13º salário no mês de julho, como ocorreu nos últimos anos, menos em 2016.
Leia mais...

quarta-feira, 21 de junho de 2017

Agências bancárias podem ser obrigadas a disponibilizar um funcionário exclusivo para atendimento a idosos e pessoas com deficiência em Petrópolis




A Câmara Municipal de Petrópolis aprovou nesta quarta-feira (21.06), em segunda discussão, o Projeto de Lei 2062/2016, de autoria do presidente da Casa, vereador Paulo Igor (PMDB), que obriga as agências bancárias a disponibilizarem um funcionário exclusivo para atendimento a idosos e pessoas com deficiência nos terminais de autoatendimento. Segundo a justificativa, o público alvo do projeto acaba se sujeitando à ajuda de estranhos nos caixas eletrônicos e isso os torna alvo de criminosos.

"A proposta tem por objetivo garantir um serviço bancário individualizado e de qualidade aos idosos e deficientes, garantindo-lhes segurança dentro das agências. Não são poucas as notícias de fraudes, principalmente envolvendo idosos em nossa cidade, que são vitimas de estelionatários na hora de efetuar suas transações. Muitos são vítimas de saques, transferências e empréstimos indevidos", destaca Paulo Igor, lembrando que nem mesmo a Lei Federal nº 6.920/2010 que agravou a pena para crime cometido contra pessoa com idade igual ou superior a sessenta anos inibiu a ação dos estelionatários.

De acordo como autor, o descumprimento da proposição acarretará ao infrator, no caso às instituições financeiras, advertência ou até multa de 1.000 UFPEs em caso de reincidência. As agências terão prazo de 90 dias, a partir da publicação da lei, para se adequar às mudanças.

Paulo Igor explica que o projeto visa garantir a melhoria na qualidade e no serviço bancário em Petrópolis. O projeto segue agora ao Palácio Sergio Fadel para apreciação do prefeito Bernardo Rossi (PMDB).
Leia mais...

Guarda Civil inaugura novas instalações da base em Itaipava



Corporação vai utilizar sala no Parque Municipal para coordenar serviços de patrulhamento, orientação do trânsito e Ronda Escolar nos distritos

Os moradores dos distritos agora contam com mais um equipamento de segurança. A Guarda Civil inaugurou nesta quarta-feira (21.06) as novas instalações da sua base em Itaipava ocupando uma sala da Secretaria de Serviços, Segurança e Ordem Pública (SSOP) no Parque Municipal. Com o novo espaço, a coordenação dos serviços de patrulhamento, orientação do trânsito e Ronda Escolar será otimizada e vai permitir a ampliação do trabalho realizado pelos agentes.

“Quando a Secretaria traz os serviços para mais próximo da população, todos ganham. Só posso parabenizar pelo excelente trabalho que o pessoal da segurança vem fazendo pela nossa cidade”, destacou o prefeito Bernardo Rossi.

Uma das novidades é o início do patrulhamento por bicicleta, que vai cobrir o Parque Municipal. Dois guardas vão percorrer o local durante todo dia com o objetivo de coibir delitos de menor potencial ofensivo e garantir a tranquilidade para os frequentadores do espaço.

A GC de Itaipava fará o patrulhamento de Itaipava e adjacências com 10 agentes todos os dias e vai contar com uma moto e três carros, sendo um deles para a Ronda Escolar, melhorando o trabalho feito atualmente na área.

“Já avançamos em recuperação da frota, em operações especiais e de rotina e agora estamos trazendo as ações para os distritos”, disse o secretário de Serviços, Segurança e Ordem Pública, Djalma Januzzi.

“Agradeço a cada guarda que entendeu o momento de dificuldade que o município está passando e que veio junto, quer ver a corporação crescer. Nós queremos nosso espaço para dar mais segurança à população e quem ganha com isso é a sociedade”, declarou o coordenador de Segurança, Maurício Borges.

“Estamos aqui para trabalhar e o prefeito não tem medido esforços para proporcionar mais segurança para cidade. A nossa frota estava sucateada quando começou o governo e agora estamos devolvendo as viaturas aos verdadeiros donos, a população”, falou o comandante da Guarda Civil, Jeferson Calomeni.

A base da corporação era junto ao alojamento, mas agora vai ocupar uma das salas da SSOP. Outra novidade que a nova base da Guarda vai proporcionar é o choque de ordem, demanda que já foi apresentada por moradores e pelo Conselho Comunitário de Segurança. Com o espaço, será possível planejar edições também nos distritos.

O presidente do Conselho Comunitário de Segurança, Lédio Ferreira, acredita que a estrutura montada para a atuação da Guarda em Itaipava vai ajudar o trabalho das forças policiais.

“É de suma importância estender a segurança aos distritos. Com a Guarda aqui, Itaipava só tem a ganhar. A gente percebe o comprometimento do prefeito com a segurança de toda a cidade. E o Parque Municipal é uma referência do município. Isso vem para somar, é uma medida muito positiva. Nós do Conselho acreditamos que esse é o caminho e ficamos muito satisfeitos”, afirmou.

 ​
Leia mais...

Torneio de Skate acontece neste fim de semana em Petrópolis

Competição será dividida em duas categorias e acontece no Centro de Artes e Esportes Unificados da Posse



Em comemoração ao Dia Mundial do Skate, a Superintendência de Esportes da cidade está organizando um torneio da modalidade no sábado (24.06), às 14h, no Centro de Artes e Esportes Unificados (CEU) na Posse. A competição acontece em duas categorias: iniciante e amador. As inscrições serão realizadas no dia da competição e praticantes de todos os bairros da cidade estão convidados a participar. O evento conta com o apoio da loja GugaSkateBoard.

O skate surgiu como brincadeira de adolescente. E, como todo jovem, a prancha sobre rodinhas cresceu, amadureceu e fez sua própria história. Para celebrar a prática e o estilo de vida do esporte, em 2004, a Associação Internacional de Companhias de Skate criou o “Go Skateboarding Day”, comemorado em 21 de junho, com o intuito de popularizar e chamar a atenção para os potenciais da modalidade. Segundo Hingo Hammes, superintendente de Esportes, o torneio abre espaço para os praticantes na cidade.

“O skate tem muitos praticantes em Petrópolis. Estamos organizando um torneio para atender essa demanda e a competição também funciona como uma homenagem aos atletas”, disse Hingo.

O superintendente ainda explicou sobre a escolha das categorias. “A modalidade “iniciantes” é voltada para os mais jovens, que começaram a praticar agora. Como a cidade conta com diversos atletas amadores, existe uma categoria específica para eles. As inscrições acontecem no mesmo dia do torneio e é aberto para toda a cidade”, completa.



 ​



Leia mais...

Comdep terá 50 funcionários para limpeza durante a Bauernfest



A prefeitura vai mobilizar 50 funcionários para fazer a limpeza do Palácio de Cristal e arredores, Praça da Liberdade e Praça Visconde de Mauá (Praça da Águia) nos 10 dias da 28ª Bauernfest. Eles serão divididos em duas equipes – uma durante o dia e outra para o período noturno.

Pela manhã, a Comdep, que é a empresa responsável pela limpeza pública, vai utilizar um caminhão-pipa com capacidade de oito mil litros de água não-potável para lavagem de ruas e equipamentos.

Os locais com atrações terão 45 barris de lixo com capacidade de 200 kg e mais 10 coletoras de plástico rígido de 1 mil litros (uma tonelada). Um caminhão para coleta de lixo será destinado para fazer o serviço exclusivamente na área da festa e em lugares próximos no Centro. Todo lixo será recolhido com intervalos de aproximadamente duas horas de 10 a 12 vezes ao dia durante todo período da Bauernfest.

“Estamos preparados para deixar o Palácio de Cristal e todos os locais onde o público vai frequentar limpos a todo momento. A expectativa é de que muita gente venha aproveitar a Bauernfest e, por isso, fizemos um grande planejamento para que todos estejam em um ambiente agradável”, afirmou o presidente da Comdep, Wagner Silva.

Os materiais que podem ser reciclados, como papel, papelão e óleo vegetal, serão separados.Durante a festa, a Comdep vai manter uma barraca no Palácio de Cristal para divulgar o trabalho de coleta seletiva e a importância de dar a destinação correta para o lixo. O espaço estará em funcionamento durante toda a festa e vai envolver os funcionários do Ecoponto da Mosela e do Centro de Reciclagem de Cascatinha. Serão distribuídos materiais informativos o que pode ser reaproveitado e como fazer a coleta seletiva.

Uma das maneiras é levar os resíduos inorgânicos e óleo vegetal até o Ecoponto, onde é possível se cadastrar para receber descontos na conta de luz de acordo com a quantidade de materiais entregues. Também é possível participar da coleta seletiva “Porta a Porta”, que passa em uma rota determinada durante a semana.

O planejamento traçado pela Comdep para a Bauern é similar ao feito para a Expo Petrópolis, no final de abril. Ao longo do ano, a Companhia já deu apoio a 29 eventos no Centro, Quitandinha, Posse, Araras, Corrêas, Siméria, Serra Velha, Madame Machado, Itaipava, Quissamã e Carangola.
Leia mais...

Ônibus da Turb é apedrejado em Araras



Fonte: Portal Petronews  - Um ônibus, que atende a linha 618- Santa Luzia, foi apedrejado na noite de terça-feira (20) no bairro, após um acidente provocado por uma motocicleta. Ao todo, oito janelas foram quebradas, além do vidro de trás do coletivo, que ficou quatro horas sem operar. De acordo com a Turb Petrópolis, o motorista e o cobrador foram intimidados por um morador da região. Nesta quarta, o ônibus opera normalmente.

Segundo a empresa, no momento em que o ônibus foi apedrejado, uma passageira estava no coletivo, além do cobrador e do motorista. Ninguém se feriu. A Polícia Militar foi acionada e o caso registrado na 106ª Delegacia de Polícia, em Itaipava.

O caso preocupa o Sindicato das Empresas de Transportes Rodoviários de Petrópolis (Setranspetro), devido a hostilidade que prejudica diretamente os passageiros que utilizam a linha. Segundo a empresa, o coletivo que sofreu os danos está parado na garagem para conserto e vai demorar, pelo menos três dias, para voltar à operação.  
Leia mais...

​Prefeito lança o primeiro plano de contingência de inverno da cidade


Evento de apresentação do Plano Inverno aconteceu na terça-feira na Casa dos Conselhos

O prefeito Bernardo Rossi lançou nesta terça-feira (20.06), na Casa dos Conselhos Ângelo Zanatta, o primeiro plano de contingência de inverno da cidade. Organizado pela Secretaria de Defesa Civil e Ações Voluntárias, o Plano Inverno orienta e traça um plano de contingência para o combate aos incêndios florestais que atingem Petrópolis no período de estiagem. Também foi apresentada a matriz de responsabilidades do projeto, que indica as ações a serem tomadaspor cada órgão participante em caso de uma catástrofe ambiental.

O prefeito Bernardo Rossi lembrouo ano de  2014, quando a cidade perdeu o equivalente a 15 mil campos de futebol em vegetação, e citou o trabalho em conjunto como uma marca do seu governo.

“Este ano antes mesmo do período de estiagem, que está começando, foram 43 ocorrências. O Plano Inverno é um trabalho de prevenção importante para a cidade. O trabalho em conjunto é uma marca do nosso Governo, sendo fundamental para a segurança e para o crescimento da nossa cidade”, disse o prefeito.

O secretário de Defesa Civil e Ações Voluntárias, coronel Paulo Renato Vaz, apresentou os dados do Plano Inverno e explicou como foi elaborada a matriz de responsabilidades do projeto.

“O Plano Inverno foi discutido por sete grupos setoriais, divididos de acordo com cada atribuição dos que participaram da elaboração do projeto. Foram 13 reuniões, com a participação de 231 pessoas, que representam 77 órgãos diferentes – entre instituições, associações de moradores e produtores rurais. A matriz de responsabilidades indica o que cada órgão participante do projeto vai assumir em caso de uma catástrofe ambiental. Todo esse esforço em conjunto busca diminuir o número de queimadas na cidade”, disse Paulo Renato.

O secretário de Meio Ambiente, Fred Procópio, lembrou os prejuízos causados pelos incêndios florestais. “As queimadas provocam um grande desequilíbrio no ecossistema, com a perda da fauna e da flora, além do empobrecimento do solo. A destruição de áreas verdes também compromete as nascentes, importantes para o abastecimento de água em toda cidade. Com o Plano Inverno, esperamos reduzir sensivelmente o número de queimadas durante o período de estiagem, que vai até setembro”, disse.

Mais de 50 pessoas acompanharam o evento que contou com a presença do comandante da Polícia Militar, coronel Oderlei Santos; o comandante da Guarda Civil, Jeferson Calomeni; o secretário chefe de Gabinete, Renan Campos; o secretário de Fazenda, Heitor Pereira; o coordenador do Procon, Bernardo Sabrá; os vereadores Wanderley Taboada e Relojão, além de representantes do Corpo de Bombeiros, Exército, Aeronáutica, Cruz Vermelha, Guarda Civil, órgãos ambientais e sociedade civil.
Leia mais...

​Procon Petrópolis fiscaliza cobrança nos valores das diárias de hospedaria



O Procon Petrópolis está fiscalizando a cobrança das tarifas diárias de hotéis, pousados e hostels durante o período da Bauernfest. O objetivo é impedir que as hospedarias cobrem valores acima da margem limite de flexibilização, ação que fere o Código de Defesa do Consumidor (CDC). A iniciativa toma como prerrogativa a prática adotada pelo órgão estadual que chegou a multar hotéis durante a Olimpíada do Rio por conta de aumento da tarifa em até 3.000%.

Para isso, o Procon tem feito pesquisas em sites de reservas, além de realizar o levantamento dos valores adotados pelas hospedarias nas demais épocas do ano. Caso alguma denúncia chegue até o órgão com características que corroborem a cobrança abusiva nos valores da hospedagem, o órgão de fiscalização do consumidor poderá aplicar multas.

“A cobrança extorsiva mancha a imagem da cidade.  Estamos fiscalizando para que esse tipo de infração não aconteça em Petrópolis. Iniciamos agora nossa alta temporada e sabemos que é durante a Bauernfest que temos o melhor período para os hotéis e pousadas, por isso estamos de olho para garantir que o turista venha para a cidade e seja cobrado de maneira justa”, explica o coordenador do Procon, Bernardo Sabrá.

​​No ano passado, o Procon estadual realizou um levantamento durante a Olimpíada na qual encontrou alteração na tarifa de cobrança de até 3.289% mais alta que o valor praticado na alta temporada, cujo acréscimo costumava ser de 30 a 50%. Petrópolis possui atualmente 115 meios de hospedagens, que comportam 6.444 leitos.

“O Código de Defesa do Consumidor prevê punição contra preços abusivos. Por isso, qualquer hotel que adote essas características será notificado a dar explicações para sabermos o motivo da cobrança. Se a justificativa não for aceitável, iremos advertir ou multar e caso o consumidor se sinta lesado pela cobrança, poderá ser ressarcido”, explica Sabrá. 

Leia mais...

​Bauernfest terá unidade de pronto atendimento durante os 10 dias de festa

Rota de resgate foi simulada na última segunda-feira (12.06)


A Secretaria de Saúde, por intermédio do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) irá montar um posto médico no Palácio de Cristal para os atendimentos durante a Bauernfest. O evento que acontece de 23 de junho a 2 de julho tem expectativa de atrair cerca de 320 mil pessoas. Para garantir a assistência e a segurança a quem se acidentar durante o período, além da disponibilização de um pronto atendimento haverá uma rota específica de socorro que foi simulada na última segunda-feira (12.06), onde foram testados caminhos alternativos para realização da assistência às vítimas em caso de acidentes.

     A Central de Regulação Médica das Urgências, situada no SAMU, seguirá atendendo as ocorrências recebidas através do 192 em seu fluxo normal. Em situações de envio de equipes que necessitem passar pelas áreas do entorno da Bauernfest, o operador da frota entrará em contanto com o Centro de Controle de Operações (CCO) para auxiliar no processo. O CCO estará localizado no ônibus da Guarda Civil onde serão concentradas as ordens de serviços das operações durante a festa.

     “No fluxo firmado na última segunda-feira, foi sumulado também o balizamento e o uso de batedores para que as ambulâncias tanto do SAMU quanto dos Bombeiros possam seguir para o socorro à possíveis vítimas, inclusive pela contramão, mas em segurança. Já as chamadas oriundas da área da festa terão a orientação, por parte do médico regulador, de procura pelo atendimento no Posto Médico instalado no local”, orienta o secretário de Saúde, Silmar Fortes.

Durante o simulado foram testados dois caminhos: o primeiro da sede do Corpo de Bombeiros, na Barão do Rio Branco, até o Hospital Santa Teresa e, o segundo, até a Coronel Veiga. Entre as unidades de Socorro – SAMU e Corpo de Bombeiros forampactuados que as ocorrências registradas no local da festa serão direcionadas ao Hospital Municipal Nelson de Sá Earp, caso sejam ortopédicas ou psiquiátricas e as ocorrências clinicasde qualquer natureza serão encaminhadas a UPA Centro.

“Priorizamos as ações para rápido deslocamento das viaturas do SAMU 192 em relação às ruas no entorno da festa, sem prejuízo ao tempo resposta de atendimento às vitimas em situações de urgência e emergência. Mas a assistência não será apenas aos casos registrados no local da festa, mas também em locais em que a ambulância precisa se deslocar pelo trajeto da Bauernfest”, explica o cvoordenador Administrativo do SAMU, José Geraldo da Rocha.

     No posto médico que será montado no Palácio de Cristal, o SAMU disponibilizará: um médico, um enfermeiro e um funcionário administrativo, para acolhimento e abertura de boletim de atendimento, tanto paras as pessoas que busquem o Posto em demanda espontânea, quanto aos encaminhados pelos maqueiros socorristas e demais membros da organização da festa.

“Em caso de atendimento de menores desacompanhados, o Conselho Tutelar será acionado, e o Conselheiro de plantão acompanhará o atendimento e o encaminhamento para as unidades de referência se necessário pela Ambulância disponibilizada para o evento, que será tripulada por um condutor socorrista, um técnico de enfermagem e um médico intervencionista”, disse o coordenador Administrativo do SAMU, José Geraldo da Rocha.


Leia mais...

Gastronomia, cerveja e artesanato na terceira edição do Festival AgroSerra

Evento, que já faz parte do calendário cultural de Petrópolis, será realizado nos dias 21, 22 e 23 de julho na Praça de Secretário


O Festival AgroSerra – da Roça ao Prato, que desde 2015 movimenta a Praça de Secretário, em Petrópolis, acontecerá nos dias 21, 22 e 23 de julho. Os visitantes poderão desfrutar mais uma vez do clima acolhedor, do friozinho da serra, das delicias gastronômicas e do artesanato da região.

Neste ano, o Festival terá como tema o aproveitamento integral dos alimentos. Segundo Janice Caetano, organizadora do AgroSerra, o objetivo é chamar a atenção sobre a importância de uma alimentação sustentável. “Existe um grande desperdício de cascas, de sementes e de raízes, que poderiam ser ótimos ingredientes para estar no prato, mas são comumente descartados. A nossa intenção é despertar o interesse das pessoas para o tema. O descarte é cultural e temos que mudar este hábito. Além do ganho nutricional, também geramos menos lixo”, comenta. O AgroSerra tratará do aproveitamento integral dos alimentos por meio de oficinas e workshops voltados para adultos e crianças.

O evento reunirá mais de 40 expositores, entre produtores e empreendedores da região. Além da grande variedade de produtos em exposição, como cervejas e cachaças artesanais, queijos, legumes e verduras orgânicos, doces, compotas, conservas e artesanato, os visitantes poderão aproveitar, ainda, uma série de atividades gastronômicas, culturais e musicais. A programação completa do AgroSerra será divulgada nas próximas semanas nas mídias sociais do evento (Facebook: AgroSerra – da Roça ao Prato e Site: www.festivalagroserra.com.br



Leia mais...